Marca fala também sobre os equipamentos do SUV médio que será lançado no 2º trimestre

A Volkswagen começou a revelar detalhes técnicos do novo Taos para o mercado brasileiro. Embora já o tenhamos visto e dirigido o protótipo nos Estados Unidos, faltava conhecer as especificações mais precisas do SUV médio para o Brasil. Por meio de uma conferência virtual, a marca mostrou também as armas e tecnologias que ele terá para enfrentar seu principal rival, o Jeep Compass.

Começando pelas dimensões exatas, fica comprovada a sensação que tivemos ao flagrarmos o SUV em testes no Brasil. O novo modelo da marca alemã leva vantagem em quase todas as medidas, o que resulta em amplo espaço interno para os ocupantes. Com seu comprimento de 4.461 mm, é 67 mm maior que o Compass (4.394 mm). Também tem entre-eixos maior com 2.680 mm (+44 mm que o rival), largura de 1.841 mm (+22 mm) e porta malas de 498 litros (+88 litros) perdendo apenas na altura de 1.626 mm (-7 mm).

Dimensões VW Taos x Jeep Compass
Espaço interno VW Taos
Espaço interno VW Taos com pessoas com estatura de 1,86 m
Volume do porta-malas - VW Taos
Volume do porta-malas do VW Taos

A VW divulgou também a distância do balanço dianteiro, de 900 mm, que embora seja -5 mm menor, a marca considera positivo pelo fato de melhorar o ângulo de ataque. Já a distância do balanço traseiro é de 881 mm (+28 mm), o que resulta no espaço maior para o porta-malas. Também revelou o vão livre, curiosamente, com três medidas. A primeira é a distância do solo para o eixo dianteiro, com 185 mm, a do traseiro com 206 mm e a de entre-eixos de 246 mm. Por conta deste números, informa que o Taos tem ângulos de transposição de 26,3º na saída, 19º na entrada e 20,1º em rampa (parte central).

Vão livre - distância livre do solo do VW Taos

O conjunto mecânico é o que já havíamos informado, composto sempre pelo motor 1.4 TSI flex, com turbo e injeção direta que entrega potência máxima 150 cv e torque de 25,5 kgfm associado ao câmbio automático AQ250 de 6 marchas com função Sport. A suspensão dianteira é McPherson enquanto a traseira é multilink.

Outra vantagem apontada pela VW em relação ao seu concorrente é o peso total de 1.420 kg, ou seja, 136 kg mais leve que o Compass. Sem citar dados de consumo, apenas reforçou o fato de que cerca de 25% do consumo de combustível é influenciado pelo peso total. Com esta combinação, já antecipa que o novo Taos será capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 9,3 segundos e atingir velocidade máxima de 194 km/h.  

Confirmado também o seletor de modos de condução. Com opções Eco, Normal, Sport e Individual, assim como já oferecido em outros modelos da linha VW, altera parâmetros da direção, motor e transmissão, climatização, ACC e também a iluminação ambiente interna, mas não altera ajustes da suspensão.

Galeria: Volkswagen Taos - Especificações

Entrando nos detalhes dos itens de série, a VW confirmou o freio de estacionamento eletrônico com a função EPB (que segura o acionamento em saídas/aclives) e DAA (que libera automaticamente o veículo ao acelerar quando o cinto de segurança estiver afivelado), sistema de monitoramento de pressão dos pneus, ACC (piloto automático adaptativo) agora com Stop and Go (que retoma aceleração após frenagem total), Front Assist (sistema de frenagem automática) e o pacote AEB - Autonomous Emergency Brake - composto pelo City Emergency Brake e Detecção de Pedestre.

Há ainda a função de frenagem de manobra, que por meio dos sensores dianteiros e traseiros, acionam os freios automaticamente para evitar pequenas colisões ao estacionar. Também estarão disponíveis no Taos o Rear Cross Traffic Alert (alerta de tráfego traseiro cruzado), alerta de ponto cego, Post Collision Brake, detector de fadiga, sistema Kessy para travamento e destravamento por aproximação (que rebate automaticamente os retrovisores ao fechar o carro) e teto solar panorâmico.

Com todos estes equipamentos, Motor1.com perguntou a José Carlos Loureiro, Gerente Executivo de Desenvolvimento do Veículo Completo da VW, sobre a expectativa de nota nos testes de Latin NCAP. Loureiro apenas reafirmou que o Taos é produzido sobre a plataforma MQB, a mesma que já deu 5 estrelas a outros modelos da marca, e que o novo SUV vem recheado com o que a VW tem mais avançado em termos de segurança. Sobre a nota em si, deixa nas mãos do próprio Latin NCAP, sem fazer nenhuma previsão - embora a expectativa seja alta. Para completar, o Taos ainda não foi enviado para os testes do Latin NCAP. 

VW Taos 2022 (fotos ao vivo na Argentina)

A VW antecipou que explicará em breve o novo sistema de iluminação IQ Light, com luzes Full-LED que permitem que os faróis tenham um alcance mais longo e mais largo nas laterais, além de compor a assinatura luminosa do Taos com uma faixa luminosa que percorre toda a grade frontal. Nesta ocasião, também deve confirmar para o nosso mercado o sistema de farol alto automático, que reduz o facho quando se aproxima de outro veículo, e a luz de curva dinâmica, que ilumina de acordo com a direção apontada pelo volante. 

Posicionado entre o T-Cross e Tiguan, ainda preços divulgados, o VW Taos segue com a programação de lançamento inalterada: o quarto modelo da família de SUVs da marca chega no segundo trimestre deste ano.

Enquanto o Taos não chega, você pode conferir as impressões do primeiro contato do nosso parceiro Argentina AutoBlog e também a nossa avaliação do SUV nos Estados Unidos.

Envie seu flagra! flagra@motor1.com