Performance foi considerada aceitável, levando em conta o peso e o porte da picape

Apesar de não serem projetadas especificamente para fazer curvas, picapes devem apresentar níveis de segurança adequados para proteção dos ocupantes nas mais diversas condições de uso. Nesse sentido, o famoso teste do alce é considerado um dos mais rigorosos do mundo na avaliação de performance veicular em desvios bruscos de rota. A Mitsubishi L200 Triton foi a mais recente camionete colocada à prova e alcançou resultado mediano.

Segundo o canal espanhol Km77, que promove o testes, o desempenho não foi exatamente bom, mas considerando satisfatório para uma picape de porte médio, pesada e com altura elevada em relação ao solo. A sensação ao volante foi de relativo controle, apesar do grande balanço da carroceria. Na comparação com alguns automóveis de passeio, a L200 se mostrou até mesmo superior em alguns quesitos.

Galeria: Nova Mitsubishi L200 2020 - Europa

A prova, não custa lembrar, avalia o comportamento do veículo em manobras rápidas e tem como objetivo verificar a capacidade do veículo de desviar de obstáculos repentinos com segurança - como um alce atravessando a estrada, por exemplo. Os testes são realizados com desvios bruscos de rota em velocidades graduais, de modo a levar a suspensão ao limite com a transferência de peso do carro de um lado para o outro.

A velocidade padrão para testes é 77 km/h, mas no caso da L200 o melhor resultado só foi obtido a 69 km/h - condição em que a picape cumpriu a manobra sem derrubar nenhum cone. Resultado parecido foi alcançado recentemente pelo Volkswagen Golf, que também teve sua melhor performance obtida aos 69 km/h.