Compacto completa 40 nos de história com reestilização suave e novas tecnologias

A Fiat anuncia nesta semana na Europa o lançamento do Panda 2021 com uma série de novidades. Responsável por celebrar os 40 anos de história do compacto, a nova gama inclui retoques na composição de design e ampliações no portfólio. Nesse ponto, em especial, o destaque fica por conta da nova versão Sport, que segundo a marca será direcionada para clientes com “estilo de vida ativo”.

Entre outros diferenciais, o novo acabamento oferece rodas de 16 polegadas com desenho único, teto preto, carroceria na exclusiva com Matt Gray, logotipo "Sport" cromado e detalhes em preto brilhante. Por dentro, tanto o Sport como as demais versões (City Life, City Cross e Cross) recebem otimizações no acabamento e central multimídia de 7 polegadas com Apple CarPlay e Android Auto.

Galeria: Fiat Panda 2021

No visual, todas as versões têm para-choques remodelados e rodas redesenhadas. São mudanças sutis e pensadas para manter o Panda atualizado até a chegada da próxima geração. O modelo atual, vale lembrar, é líder de vendas na Itália há 8 anos consecutivos, mas já sente o peso da idade. São ao todo 10 anos à venda nesta mesma linhagem.

Mecanicamente, um dos principais destaques é o motor 1.0 Firefly Hybrid, com potência de 70 cv e classificado pela Fiat como o "híbrido mais democrático do mercado". O propulsor vem sempre ligado ao câmbio manual de 6 marchas e está disponível para toda a gama (inclusive para o modelo Cross, que tem tração 4x4). Há ainda versões com motores alimentados por CNG e GLP (sendo o Panda um dos únicos do mercado a oferecer essas opções).

Fotos: Divulgação