Versão aventureira do Polo? Substituto de Gol, Fox e up? Inédito crossover? É a base MQB em mais uma planta nacional

A situação econômica global forçou todas as fabricantes a rever seus planos de investimentos e, em muitos casos, realizar cortes e demissões. A Volkswagen estava negociando com os sindicatos da região de Taubaté (SP), que representam seus funcionários da fábrica na cidade paulista. Após quatro semanas de conversas, o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté e Região (Sindmetau) revela em seu site que chegou a um acordo que irá descongelar os investimentos para o complexo e que irá produzir um modelo chamado Polo Track.

O site do Sindmetau mostra que o Volkswagen Polo Track será feito somente em Taubaté, como parte de um plano para preparar a fábrica para produzir a plataforma MQB – possivelmente na versão A0. O complexo verá a implantação da arquitetura a partir de novembro e, quando estiver pronto, irá compartilhar a montagem do Polo com a planta de São Bernardo do Campo, no ABC paulista. O acordo também garante um segundo modelo para a linha de montagem e, caso a Volkswagen decida fazer um novo Gol ou Voyage, Taubaté terá prioridade na negociação para ser responsável pela montagem.

– Descongelamento dos investimento para a planta de Taubaté
– Implantação da plataforma MQB a partir de novembro.
– Produção compartilhada do POLO LA K1 com São Bernardo do Campo.
– Produção do Polo Track (Novo Polo) exclusivo de Taubaté.
– Garantia do segundo modelo para planta de Taubaté.
– Compromisso de negociação com Sindicato em caso de novo produto Gol ou Voyage

E o que pode ser este Polo Track? Uma das possibilidades é que seja uma versão aventureira do Polo, como diz o nome – “Track” já foi usado pela fabricante para batizar variantes deste tipo de Fox, Gol e Up!. Poderia servir como uma alternativa para quem não pode investir no Nivus ou T-Cross, além de enfrentar alguns rivais como Fiat Argo Trekking, Ford Ka Freestyle e Hyundai HB20X.

Há quem aposte também que seria uma versão básica do Polo, abaixo do Polo 1.0 MPI atual, para substituir Gol, Fox e Up!. O argumento é que Fox e Up! terão que sair de linha pela falta de controle de estabilidade, item que será obrigatório a partir de 2022.

Outra possibilidade é que seja o crossover de entrada da marca. Pablo Di Si, presidente da VW na América Latina, confirmou durante uma entrevista no Salão de Frankfurt (Alemanha) de 2019 que haveria mais um SUV nacional e ele deveria ser apresentado após o Nivus. Seria um dos três carros que foram desenvolvidos no Brasil e acabaram se tornariam globais. O Sindmetau já havia comentado sobre ele quando confirmaram o investimento na cidade, chamando o modelo de VWA0SUV.

Galeria: VW Taigun - Conceitos Esquecidos

O que faz com que este Polo Track possa ser o mesmo modelo que o VWA0SUV é a alcunha Track. Já faz um tempo que rumores na Alemanha falam sobre um T-Track, um crossover de entrada da Volkswagen que seria uma nova forma do Taigun, conceito apresentado em 2012 que era baseado no Up! e que, na época, foi descartado por ser pequeno demais. Como o segmento dos crossovers mudou desde então, com a chegada dos modelos com menos de 4 metros, investir em um modelo deste tipo volta a fazer sentido.

Projeção: Kleber Silva/Behance