“Presença visual mais poderosa”, diz a marca sobre os efeitos do novo design

Após imagens vazadas na semana passada, a BMW oficializa nesta quarta-feira (16) a apresentação do novo Série 7 2020. O design agora é caracterizado pelas linhas do conjunto frontal, no qual a grade ficou 40% maior e pode vir revestida em diferentes tonalidades, como alumínio acetinado ou acabamento cinza. Além disso, o pacote tecnológico foi otimizado, a oferta de motores inclui uma versão revisada do 4.4 V8 (que ficou 81 cv mais potente) e o câmbio automático de 8 marchas foi reprogramado.

De acordo com a BMW, as mudanças promovidas no design foram fundamentais para garantir uma “presença visual mais poderosa”. Além da grade, são novos os faróis de LED com tecnologia adaptável, o capô com vincos e os para-lamas ligeiramente mais musculosos. Na traseira, há uma fina faixa de luz que se estende por toda a largura da tampa, conectando as duas lanternas Por dentro, foi adotado o novo painel de instrumentos digital da marca (já usado pelo Série 8 e pelo novo X5), junto com novas opções de couro, otimizações no conforto acústico e carregamento sem fio para celulares como item padrão.

BMW Série 7 2020

Sob o capô, o modelo topo de linha M760 segue com o conhecido motor V12 de 608 cv de potência e 86,6 kgfm de torque máximo. Nas demais versões, a novidade é o 4.4 V8 revisado, agora com 530 cv no total (81 cv a mais que até então) e 76,4 kgfm de força (10,2 kgfm extras). Especificamente na variante 750i xDrive, este motor garante aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 3,9 segundos. Desde a estreia, também está sendo oferecida uma versão híbrida plug-in, neste caso com motor 6 cilindros de 284 cv e elétrico de 114 cv, gerando potência combinada de 395 cv. O alcance no modo elétrico não foi divulgado, mas a aceleração até 100 km/h é feita em 4,9 segundos.

BMW Série 7 2020

Item padrão em toda a linha 2020, o câmbio automático de 8 marchas foi revisado e agora oferece trocas mais suaves e eficientes, inclusive com a função Launch Control (controle de largada) de série. Na versão híbrida, a transmissão se diferencia pela presença de uma embreagem específica. A chegada às lojas da Europa acontecerá em abril, com cinco versões disponíveis ao todo.

Fotos: Divulgação

Galeria: BMW Série 7 2020