Versão plug-in é apresentada ao público, mas ainda não tem previsão de chegada

Como já dissemos, o salão deste ano está repleto de novidades em termos de veículos de baixas emissões/zero emissões e a atração da Ford foi o Fusion Energi. A  versão híbrida tem como destaque ser plug-in, ou seja, permite que a bateria seja recarregada na tomada. 

O Fusion Energi combina o motor 2.0 Atkinson a gasolina e outro elétrico, com potência combinada de 190 cv. A maior novidade é uma bateria de íons de lítio, de 9,0 kW/h, que aumenta em cerca de 20% a autonomia no modo elétrico em relação ao modelo anterior.

Outro destaque do Energi é a primazia na linha Ford ao vir equipado de série com o Co-Pilot360, um pacote de tecnologias que inclui assistência autônoma de frenagem com detecção de pedestre, monitoramento de ponto cego com alerta de tráfego cruzado, sistema de permanência em faixa, câmera de ré e farol alto automático.

Ford Fusion Energi

De resto, o sedã ainda conta com o piloto automático adaptativo com Stop and Go, central multimídia SYNC 3, ar-condicionado digital automático de dupla zona, acesso e partida sem chave, sistema de som premium e bancos de couro com ajuste elétrico em 10 posições para o motorista com sistema de refrigeração e aquecimento.

Por enquanto, a Ford continua a oferecer no país apenas o Fusion Hybrid, que tem o mesmo padrão de equipamentos, mas sem a opção de recarga na rede elétrica. O modelo Energi ainda não tem previsão de lançamento por aqui. 

Fotos: Donizette Castilho

Galeria: Ford Fusion Energi - Salão do Automóvel