Uma fantasia do futuro ou uma possibilidade do presente?

Larry Page, fundador do Google, já é um bilionário graças à sua empresa que faz praticamente tudo hoje em dia. Agora o empresário de tecnologia encontrou outro setor para investir: carros voadores. Você pode achar que é uma viagem dele, já que ouvimos falar de carros capazes de voar desde os anos 1950, fruto de obras de ficção científica. No entanto, a verdade é que agora o plano é viável.

Mais notícias da Google:

Page está confiante de que o fenômeno irá decolar em breve. Tão confiante que está envolvido no desenvolvimento de três carros voadores diferentes. Segundo o The Verge, Page está investindo na empresa canadense Opener e no Kitty Hawk, revelado recentemente como um táxi voador de dois lugares (que ilustra este post). Em 2010, o executivo fundou a Levt Inc, em parceria com Ilan Kroo, professor de aeronáutica da Universidade de Stanford. A Levt, que mudou o nome para Zee.Aero em 2011, está trabalhando em um táxi voador.

Além de já ter a Zee Aero, Page ainda comprou a Opener em 2014, que era chamada SkyKar na época, pagando cerca de 8 milhões de libras (aproximadamente R$ 39,7 milhões). Markus Leng, fundador da Opener, apresentou seu primeiro protótipo de carro voador em 2009. O mesmo protótipo levantou voo pela primeira vez dois anos depois.

Para comandar os projetos, Page chamou Sebastian Thrun, o homem por trás do mapeamento e dos carros autônomos do Google. Thrun está gerenciando tanto a Zee.Aero quanto a Opener. Os carros voadores serão realidade? Ainda não sabemos mas, se não der certo, não será por falta de esforço.

Foto: divulgação

Galeria: Carro voador Kitty Hawk Flyer