Reduções nas vendas das versões a combustão empurraram a decisão

Guiada por uma tendência do mercado, a Kia deixará de vender o Soul em suas versões a combustão na Europa. Com uma preferência crescente pelo Soul EV, sua versão elétrica, a oferta da linha se limitará a ela. Em 2017, das 12.100 unidades vendidas, 5.400 foram do Soul EV, principalmente na Alemanha, onde 1.899 unidades das 2.245 vendidas são elétricas. Quem quiser o Soul a combustão na Europa, terá que correr e adquirir as unidades ainda em estoque, que inclui a especial Final Edition.

Leia também:

2019 Kia Soul
 

Ao mesmo tempo, a Kia se prepara para o lançamento de uma nova geração do Soul. Com a mesma plataforma do SUV Hyundai Kona, terá autonomia elétrica ampliada, graças ao uso de uma base pronta para a eletrificação e baterias maiores. Enquanto o atual tem cerca de 300 km de capacidade, a próxima geração deve chegar aos 500 km sem necessidade de recarga. Há até chances de uso de carregador por indução, como recentemente apresentado pela BMW. 

Fotos: divulgação e arquivo

Galeria: Kia Soul 2019 - Flagra

Foto de: Automedia