Assim como o hatch Auris, o sedã adotará a nova plataforma modular da marca

O carro mais vendido do mundo e um dos nomes mais antigos do mundo automotivo está se preparando para chegar à sua 12ª geração. Flagras (como os que estão no final do post) mostram que a Toyota está trabalhando duro para preparar o novo Corolla, que será mais do que uma simples evolução do modelo atual, levando em conta que terá a nova plataforma Toyota New Global Architecture (TNGA).

Apresentado recentemente no Salão de Genebra (Suíça), o hatchback Auris serve de inspiração para esta projeção que tenta antecipar como será o design do sedã médio mais vendido do Brasil. O que foi feito aqui é transformar o Auris, que sempre foi o hatch do Corolla, em um sedã, o que não deve ficar muito longe do modelo real. Quando chegar ao nosso mercado, além das diferenças que a fabricante fará para a versão de produção, podemos esperar por alguns detalhes exclusivos para o Corolla nacional. Fontes ligadas à marca adiantam que podem mexer no visual do sedã, adequando o visual ao gosto do brasileiro.

Toyota Corolla 2020 - Projeção
2018 Toyota Auris

Enquanto o sucesso do Corolla não está relacionado ao seu design exterior, a Toyota vai tentar atrair mais clientes com o novo visual do sedã. Claro, a beleza está nos olhos de quem vê mas, se o novo Corolla realmente ficar assim, não seria nada mal.

Leia também:

Os protótipos flagrados até agora apareceram sempre com camuflagem pesada, escondendo toda a carroceria, então não temos certeza de como serão suas linhas. A única certeza, confirmada por nossas fontes, é que estará mais próximo do Auris do que virar um mini-Camry. Já a cabine é um completo mistério, já que a Toyota não mostrou o lado de dentro do Auris.

Toyota Corolla 2020 - Projeção
2018 Toyota Auris

Além de seu design, o Corolla terá mudanças importantes na mecânica com o uso da plataforma TNGA. Se o Auris servir de guia, o sedã deve ser oferecido com uma versão 1.8 híbrida e 2.0. O hatch terá um modelo mais barato, com o 1.2 turbo usado no C-HR, que também aparece como uma possibilidade para a versão europeia - esqueça este motor para o Brasil. Seguirá sendo produzido em Indaiatuba (SP).

Mais longo e leve graças à nova plataforma modular, espere que o novo Corolla fique mais espaçoso (principalmente para os passageiros traseiros) e mais econômico. Deve receber mais itens de segurança, assim como a nova central multimídia da Toyota.

Considerando que o novo Corolla é esperado como um modelo 2020, a lógica nos diz que deve ser apresentado em algum momento de 2019.

Projeção: Kleber Silva / Behance

Galeria: Toyota Corolla 2020 - Flagra