Nova geração do SUV chega ao Brasil em 2018

O segmento de SUVs médios começa a aquecer. Após o lançamento do Peugeot 3008 e Chevrolet Equinox, o Honda CR-V é a próxima promessa que chegará ao Brasil para fazer companhia ao líder (disparado), Jeep Compass. Uma unidade foi flagrada, sem camuflagem, rodando por São Paulo (SP) sobre uma plataforma, mas seu destino é um pouco diferente. 

Como anda o novo Honda CR-V?:

A foto, postada no Instagram Inside Cars mostra uma unidade já com película nos vidros e sem disfarces. Consultada, a Honda diz que este carro foi importado independentemente, já que os carros para homologação são de outra cor e ainda não rodam sem camuflagem. Além disso, basta observar que o CR-V cinza não traz o emblema "Touring" na parte inferior da tampa traseira, o que identificaria a única versão que a marca japonesa pretende trazer ao Brasil oficialmente.

 

A nova geração do CR-V usa a mesma plataforma que conhecemos do Honda Civic, também usada no novo Accord. Com isso, o SUV cresce 7 cm a mais de comprimento (de 4,53 m para 4,60 m), 4 cm extras de entre-eixos (2,66 m, contra 2,62 m) e 4 cm de altura (de 1,65 m para 1,69 m). Há ganhos no espaço interno e porta-malas. O motor será o mesmo do Civic Touring, o 1.5 turbo, mas com 16 cv e 2,4 kgfm de torque extras, chegando a 192 cv e 24,8 kgfm totais. A transmissão, também como no sedã, é sempre automática do tipo CVT. Nos EUA há opção de tração dianteira ou integral (AWD).

Apesar de algumas concessionárias prometerem o carro para ainda este ano, o lançamento oficial deve acontecer no primeiro semestre de 2018, aproveitando as novas regras para importados, ainda em discussão, com a chegada do Rota 2030. 

Fotos: Motor1.com / reprodução Instagram