Medida passa a valer a partir do dia 13 de fevereiro e se estende até 2 de março

A fábrica da General Motors em São José dos Campos, interior de São Paulo, concederá férias coletivas a partir do próximo dia 13. Conforme relata o sindicato local de metalúrgicos, 2.200 funcionários (de um total de aproximadamente 5 mil) serão temporariamente afastados até o dia 2 de março, quando está marcado o retorno às atividades.

Os motivos que levaram a GM a decretar a medida não foram revelados até o momento. Segundo o presidente do sindicato, Antônio Ferreira Barros, a decisão pode ter ligação com a crise nas relações diplomáticas entre México e Estados Unidos, intensificada após a posse do presidente Donald Trump.

 

GM motor diesel S10

 

A unidade é responsável pela produção dos modelos S10 e Trailblazer, da Chevrolet. Só no ano passado, foram 52 mil exemplares fabricados, sendo 30% desse total exportados para o mercado mexicano.

Leia também:

Fotos: divulgação