Primeiro carro conceito da Dacia não tinha nada a ver com o modelo que iria para a produção, exceto pelo nome e plataforma

Nome: Dacia Duster Concept

Estreia: Salão de Genebra (Suíça) 2009

Especificações: Motor 1.5 dCi diesel, quatro cilindros em linha, 105 cv a 5.400 rpm, 24,4 kgfm de torque a 2.000 rpm

Porque lembramos dele: A Dacia foi comprada pela Renault em 1999, como uma forma de entrar no mercado do leste europeu, usando a Romênia como base. Isto causou uma revolução na marca, começando pelo sedã Logan, que logo tornou-se o carro mais vendido da Dacia. Animada com o resultado, a fabricante logo usou a arquitetura para o hatch Sandero e, em 2009, resolveu entrar no mercado de SUVs. Para adiantá-lo, criou o seu primeiro carro conceito, o Duster.

Leia também

Olhe bem para o carro nas fotos. É totalmente diferente do Duster de produção, não é? A Dacia o desenhou como uma mistura de SUV com cupê esportivo. Tinha a missão de fazer o público levar a fabricante mais a sério e parar de tratá-la como uma marca de baixo custo. Combinava visual agressivo com a versatilidade dos SUVs, com espaço de até 2.000 litros para carga e amplo espaço na cabine. Tinha apenas quatro assentos, sendo que os bancos traseiros poderiam ser rebatidos e deslizados para baixo dos bancos dianteiros.

Dacia Duster Concept
Dacia Duster Concept

O desenho foi feito pela Dacia em conjunto com o Renault Design Technocentre. Mesmo comparado com outros carros da marca romena, era irreconhecível. Tinha portas com as maçanetas combinadas, sendo que as portas traseiras eram do tipo suicida (que abrem na direção contrária). Os faróis eram bem finos e a peça corria pelo para-lama até depois das rodas dianteiras. As lanternas tinham um formato triangular e geravam uma pequena linha pela lateral do veículo até chegar na ponta dos vidros das portas traseiras.

Pelo menos a plataforma era "real": B0, a mesma do Sandero e Logan, que por sua vez era uma variação de entre-eixos alongado da base B da Renault-Nissan, usada no Clio e March. O Duster Concept media 4,25 metros de comprimento, 1,49 m de altura e 1,64 m de largura. Sob o capô estava o motor 1.5 dCi diesel de quatro cilindros, que gerava 105 cv e 24,4 kgfm, e enviava sua força para a tração nas quatro rodas. A Dacia dizia que ele era capaz de acelerar até 100 km/h em 9,6 segundos e tinha consumo médio de 18,8 km/l.

Dacia Duster Concept
Dacia Duster Concept

Na época, a Dacia já afirmava que o Duster de produção teria muito pouco do conceito e que não havia a intenção de vender a variante do SUV com ares de cupê. Era pura verdade, já que o Duster que conhecemos bem adotou um visual quadradinho, mais focado em robustez e espaço interno.

Fotos: divulgação

Galeria: Dacia Duster Concept