Apesar da idade, ele ainda vende bem - mas seus dias estão contados...

O VW Fox nasceu em 2003 para substituir o Gol. Não conseguiu e, em 2014 como linha 2015, subiu um degrau para ocupar o espaço de hatch premium deixado pelo antigo Polo. Criou até certa polêmica ao custar bem caro na versão Highline, equipada com teto-solar, ESP e o motor 1.6 16V de 120 cv ligado ao câmbio manual de 6 marchas. 

Sua "morte" era esperada com a chegada da nova geração do Polo, mas o Fox ganhou fôlego na linha 2019 com a simplificação e reposicionamento da gama. Restaram apenas as versões Connect e Xtreme, com valores bem mais atraentes do que já tiveram um dia. É esta última, de R$ 56.690 e visual aventureiro, que foi avaliada neste Prós e Contras.

Prós

Teste - VW Fox Xtreme

Por R$ 3.300 a menos que o Fiat Argo Trekking e o mesmo preço de um Ford Ka Freestyle 1.0, o Fox Xtreme é a opção de aventureiro que tem que ser considerada. Por este preço leve o motor 1.6 de até 104 cv e 15,6 kgfm de torque, piloto automático, central multimídia com espelhamento por Apple CarPlay e Android Auto, computador de bordo, rodas de 16", faróis de neblina e volante em couro, itens que estão ausentes ou são opcionais nos recém-lançados aventureiros. 

Teste - VW Fox Xtreme

O Fox nasceu com a proposta, além de substituir o Gol, oferecer mais espaço interno. Com a solução do teto alto, agrada o público inclusive com a posição de dirigir elevada. O porta-malas é limitado em comparação com outros modelos, com 270 litros, mas compensa no banco traseiro.

Teste - VW Fox Xtreme

O motor 1.6 EA111 é um velho conhecido do mercado. Com 8 válvulas, tem bastante torque em baixas rotações e isso foi o primordial para o bom consumo urbano. As trocas de marchas feitas cedo e boa desenvoltura no trânsito pelas duas primeiras mais curtas fizeram o Fox marcar 9,5 km/l com etanol, porém os 11,9 km/l na estrada o colocam no mesmo patamar de outros modelos. 

Contras

Teste - VW Fox Xtreme

São 16 anos de mercado, mas a plataforma PQ24 é datada de 1999, quando surgiu no Skoda Fabia. Então algumas características remetem a modelos bem mais antigos. Um exemplo é a posição de dirigir, com conjunto de pedais deslocados para a direita e coluna de direção para a esquerda em referência ao banco. 

Até a suspensão remetem aos VW mais antigos, com ajuste mais firme e direta, bem diferente do que encontramos nesta nova geração como o Polo, Virtus e T-Cross, por exemplo. 

Teste - VW Fox Xtreme

Este 1.6 da família EA111 chegou ao Brasil com o Polo em 2003, em seguida colocado no Fox. Apesar de ainda ser eficiente na cidade, não tem variador de fase no comando único e tem 8 válvulas. Isso prejudicou o consumo na estrada e o bom desempenho no ambiente rodoviário - ainda mais com o câmbio claramente alongado da terceira marcha em diante. 

Teste - VW Fox Xtreme

Sabemos que a Volkswagen quis deixar o Fox com a melhor relação peso/potência possível. Mas bem que a versão Xtreme, ao menos, poderia ter mantido os controles de tração e estabilidade e assistente de partida em rampas no pacote, trazendo do Highline. Teto solar? Motor 1.6 16v com câmbio manual de seis marchas (ou até um automático como no Gol)? Seriam interessantes, mas sabemos que é apenas sonho para um modelo já datado para nos deixar: 2020. 

Ficha técnica - Volkswagen Fox Xtreme 1.6

MOTOR dianteiro, transversal, 4 cilindros, 8 válvulas, 1.598 cm3, comando único de válvulas, flex
POTÊNCIA/TORQUE 101/104 cv a 5.250 rpm; 15,4/15,6 kgfm a 2.500 rpm
TRANSMISSÃO manual de 5 marchas, tração dianteira
SUSPENSÃO independente McPherson na dianteira e eixo de torção na traseira; 
RODAS E PNEUS liga leve aro 16" com pneus 195/50 R16
FREIOS discos na dianteira e tambores na traseira, com ABS e EDB;
PESO 1.114 kg em ordem de marcha
DIMENSÕES comprimento 3.868 mm, largura 1.663 mm, altura 1.557 mm, entre-eixos 2.467 mm
CAPACIDADES tanque 50 litros; porta-malas 270 litros
PREÇO R$ 56.690
MEDIÇÕES MOTOR1
    Volkswagen Fox 1.6 Xtreme
  Aceleração  
  0 a 60 km/h 5,2 s
  0 a 80 km/h 7,8 s
  0 a 100 km/h 12,0 s
  Retomada  
  40 a 100 km/h em 3a 11,4 s
  80 a 120 km/h em 4a 14,1 s
  Frenagem  
  100 km/h a 0

46,3 m

  80 km/h a 0 29,1 m
  60 km/h a 0 16,6 m
  Consumo  
  Ciclo cidade 9,5 km/l 
  Ciclo estrada 11,9 km/l