Poderá o novato Jaguar I-Pace destronar o Tesla Model X como o rei dos crossovers elétricos?

Carros elétricos e crossovers são as tendências do mundo automotivo. Previsivelmente, as fabricantes estão combinando os propulsores de emissões zero com o versátil segmento. Enquanto os modelos mais populares como o Chevrolet Bolt querem agradar as grandes massas custando, nos Estados Unidos, abaixo dos US$ 40 mil, estes veículos investem em cabines luxuosas e sistemas sofisticados. São eles os crossovers elétricos da Jaguar e da Tesla, que fazem aqui um dos comparativos mais esperados do setor automotivo dos últimos tempos. 

Apresentado como ano/modelo 2016, o Tesla Model X é oferecido nas versões 75D, 100D e a de alto desempenho P100 D, todas com tração integral e autonomia de 380 km (75D) a 470 km (100D) quando complemente carregado. 

Galeria: Comparativo: Jaguar I-Pace Vs. Tesla Model X

O Jaguar I-Pace é uma novidade e surge como a primeira ofensiva da marca britânica no segmento de elétricos. Como o Model X 75D, o I-Pace tem tração integral e pode viajar por mais de 370 km com uma carga completa. 

Mesmo que eles sejam diferentes em alguns aspectos (o Jaguar tem cinco lugares e mede 4.681 mm de comprimento, enquanto o Tesla tem a opção de sete lugares quando equipado com a terceira fileira (opcional) e mede 5.036 mm), ambos são comparáveis em diversos aspectos - principalmente desempenho e preços. Bem, ao menos o Model X 75D. Os mais potentes 100D e P100D são claramente mais rápidos e têm maior autonomia de bateria, mas são consideravelmente mais caros que o Jaguar, então por isso vamos fazer este comparativo com o Model X 75D. 

2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison
2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison

Desempenho e dirigibilidade

Jaguar: A Jaguar chama o I-Pace de crossover, mas ele pode ir invadir a seara dos hatchbacks com tranquilidade. Ele tem tração nas quatro rodas e suspensão a ar ajustável, que vai desde 280 mm de altura do solo até 500 mm, além do centro de gravidade baixo (graças ao pacote de baterias montado no assoalho) e da posição de dirigir baixa. Tudo isso dá uma impressão de se estar em um carro, não em um SUV. 

'

O I-Pace é a escolha para para quem gosta de dirigir, como mostra o vídeo acima. Bom, pelo menos quando ele está com o modo de direção Dynamic, uma função que custa US$ 700 (cerca de R$ 2,6 mil) e inclui um pacote que permite ajustar a dinâmica do veículo, como a resposta do acelerador e do câmbio - e quem fez o vídeo ainda colocou o sistema Adaptive Surface Response, outro opcional que custa US$ 150 (R$ 557) e que ajusta a potência e a frenagem de acordo com as condições da pista.

Os modos Comfort e Eco deixam as molas mais macias, o que faz com que o I-Pace flutue um pouco, enquanto o modo mais esportivo deixa tudo bem firme sem sacrificar o conforto dos passageiros. Como esperado, o modo Dynamic também ajuda muito na estabilidade do elétrico de 2.170 kg. Além disso, o Dynamic faz com que o carro transmita um som de motor para dentro da cabine, algo bem irônico. Com um volante de peso bem acertado, pouco balanço da carroceria e uma potência combinada de 399 cv, cortesia dos dois motores elétricos (um em cada eixo), o I-Pace é absolutamente divertido de dirigir com entusiasmo.

A aceleração até 100 km/h leva 4,8 segundos, segundo as estimativas da fabricante e, graças ao imediatismo dos motores elétricos, parece ser ainda mais rápido. Esteja o motorista pisando fundo ou de forma bem leve, o elétrico britânico reage rápido e de forma previsível.

Os únicos ingredientes que fazem falta no Jag é a sensação de volante e um pedal de freio que transmita progressivamente entre as funções de regeneração e fricção. Felizmente, o crossover conta com dois modos de freios regenerativos que são fortes o suficiente para permitir condução com apenas um pedal na maioria das situações.

Tesla: Pesando mais de 2.400 kg, o Model X sai da balança com quase 230 kg a mais que o I-Pace. Esta gordura extra é percebida e o Tesla realmente aparenta ser mais lento que o Jaguar. Ainda assim, o Model X é mais divertido de dirigir do que seu tamanho sugere. O crédito vai para as baterias montadas em posição baixa, que ajudam a segurar a rolagem da carroceria, bem como o torque imediato dos dois motores elétricos, um em cada eixo. Apesar do peso extra, o Model X 75D atinge os 96 km/h em, segundo a fábrica, 4,9 segundos, ou 0,4 segundos atrás do I-Pace. Considerando o seu peso, não está ruim. 

Dois modos de condução estão disponíveis: Chill e Sport. Como o nome sugere, o primeiro é mais tranquilo e as respostas do acelerador são mais suaves. A Sport melhora os ânimos. Independentemente disso, o grande Tesla nunca fica sem força e está sempre pronto para ultrapassagens ou retomadas. 

O Model X é mais confortável quando pensamos no uso casual. Tem rodar suave e seu pedal de freio faz um trabalho bem melhor quando muda do regenerativo para o freio tradicional, assim como a condução com apenas um pedal é possível quando este modo está selecionado. Em resumo, o Tesla tem maior qualidade de rodagem e freios melhores, mas é menos empolgante e mais lento que o I-Pace. 

Vencedor: Jaguar

2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison
2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison

Estilo e acabamento

Jaguar: O Jaguar é obviamente o campeão de estilo neste comparativo. Baixo e elegante, o I-Pace traz o design clássico da marca britânica em simultâneo com um olhar no futuro. Sem o motor a combustão, o I-Pace tem um estilo que maximiza o espaço interno. 

Apesar do capô curto e alto, o Jaguar é realmente bonito e sua carroceria se encaixa perfeitamente aos 2.989 mm de entre-eixos. A versão topo da linha, HSE, fica ainda mais bacana com as rodas de 20", os faróis de neblina (US$ 100) e a pintura Caesium Blue (US$ 575). 

O interior é igualmente estiloso, e os materiais de alta qualidade combinam com um par de telas montadas ao centro que dá ao I-Pace um toque futurista e um charme clássico. Esta filosofia é ampliada com os opcionais, que incluem um ionizador de ar (US$ 100), Activity Key (uma pulseira que destrava as portas e permite a partida do carro, custa US$ 200), acabamento em alumínio no painel (US$ 200) e LEDs com 10 cores (US% 250), ar-condicionado de quatro zonas (US$ 800) e bancos em suede (US$ 900), além dos bancos elétricos dianteiros (US$ 2.400) com aquecimento e ventilação. Os bancos finos são bons, com espumas adequadas e boas abas laterais para segurar o corpo em conduções mais animadas. 

Ao optar pelo bancos Performance, o banco traseiro recebe aquecimento. Alias, o banco é confortável para os três ocupantes traseiros, mas é um pouco apertado principalmente para o ocupante do meio. Com apenas 89 cm de espaço para as pernas e 97 cm para a cabeça, o I-Pace é 8,6 cm e 7 cm menor que o Model X, respectivamente. 

Tesla: Ao lado do baixo I-Pace, o Model X parece até um ônibus. Tem bem mais jeito de utilitário, que privilegia espaço ao estilo. Mas isso não significa que o Tesla não tenha seu charme. A dianteira sem a grade dá um visual próprio ao Model X, enquanto suas portas traseiras tipo asa de gaivota continuam sendo algo único. 

O interior do Tesla é um testamento ao minimalismo, com desenho simples e refrescante ao lado da cabine cheia de elementos do Jaguar. Uma grande tela controla os sistemas multimídia e de conveniência do crossover, e livra o painel de uma série de botões físicos. A qualidade dos materiais também impressiona, mesmo que o mix limitado de texturas deixe tudo até simples demais. 

As primeira e segunda fileiras oferecem bastante espaço para se esticar, enquanto as janelas grandes e a área envidraçada na traseira dão uma boa arejada no interior. O Model X avaliado incluía a terceira fileira (US$ 3.000), com capacidade para sete passageiros. O fundão é bom para crianças, mas está longe de ser ideal para adultos. Também não há apoios de braços para os passageiros das segunda e terceira fileira. 

Vencedor: Jaguar

2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison
2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison

Tecnologia

Jaguar: O I-Pace é o primeiro Jaguar a receber a nova tela dupla multimídia da marca (o sistema está em alguns Land Rover). Chamado de InControl Touch Pro Duo, é um par de telas montadas no painel que medem 10" e 5,5", respectivamente. Um punhado de botões ocupam o painel e controlam algumas funções como o volume do som, velocidade da ventilação e temperatura do interior (e no mesmo botão, a Jaguar colocou a ventilação e aquecimento dos bancos). Afora os benefícios ergonômicos, o sistema é lento para responder alguns comandos. Além disso, uma infinidade de menus deixa a operação dos sistemas intimidadora. 


Tesla: A grande tela de 17" ainda é a joia da coroa dos sistemas multimídia. Bem, ao menos até você ver a ergonomia disso. Com gráficos nítidos, respostas rápidas e interface limpa, a maior falha da tela é que ela faz o quase impossível de controlar todas as funções de conforto e conveniência do carro. Quer abrir o porta-malas elétrico? Você precisa procurar na tela a função. O mesmo para ligar os faróis. A lista segue. Em algumas situações, o Model X é muito dependente da tela para controlar funções simples e tem mais problemas que benefícios. Ainda assim, o sistema do Tesla é o mais limpo dos dois. 

Vencedor: Tesla

2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison
2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison

Praticidade

Jaguar: Praticidade não é o forte do I-Pace. Com capacidade de 505 litros no porta-malas, o Jaguar é pequeno se comparado aos 958 litros do Tesla. Ambos oferecem poucos porta-objetos no interior, mas o I-Pace tem um console central coberto. Uma área aparece por baixo de uma tampa perto da alavanca do câmbio e há espaço nas portas para pequenos itens. 

Tesla: Guardar itens pequenos no Model X é ruim e os passageiros precisam usar um espaço coberto perto do descanso de braço central. A maior surpresa do Tesla é um lugar para guardar itens como compras de mercado e pequenas malas de viagem. 

Vencedor: Tesla

2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison
2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison

Sistemas de segurança

Jaguar: Todo I-Pace vem de série com sistema de frenagem de baixa velocidade que inclui detector de pedestres e ciclistas, assistente de faixa, aviso de tráfego cruzado traseiro, assistente de estacionamento e sensores de estacionamento na dianteira, traseira e laterais. Nesta versão HSE, vem ainda com sistema de frenagem automática em altas velocidades, monitor de ponto cego, sistema de câmeras 360º e piloto automático adaptativo com assistente de faixa. O head-up display (US$ 970) está disponível para manter o motorista focado na estrada, sem dividir a atenção com o painel de instrumentos de 12,3". 

Tesla: O Model X tem, de série, a habilidade de frear a si mesmo em caso de colisão frontal. Mas o Tesla ainda tem outros itens em um pacote de US$ 5 mil chamado Enhanced Autopilot. Este valor extra permite que o Model X tenha sensores e câmera de 360º monitorando o que acontece ao redor do carro. Para ter 12 sensores e oito câmeras deste sistema habilitados depois da compra, são mais US$ 7 mil. 

Com o Enhanced Autopilot funcionando, o crossover inclui piloto automático adaptativo com assistente de faixa, mudança de faixa automática e assistente de estacionamento automático, além do destaque da marca, o sistema autônomo que manobra sozinho, sem motorista no interior, em pequenos espaços. 

O Jaguar e o Tesla possuem sistemas de segurança admiráveis, mas o do Model X é um pouco mais desenvolvido. Com o painel digital mostrando carros e caminhões em volta em tempo real e o assistente de mudança de faixas, o sistema ainda requer menos interação do motorista. 

Claro, o Enhanced Autopilot requer que o motorista esteja pronto para assumir a direção em algum momento, e temos medo que os compradores de Tesla estejam deixando o sistema mais responsável pela direção do que ele realmente é capaz. Esperamos que a Tesla continue a lembrar seus consumidores de que o sistema é semi-autônomo, não completamente independente. 

Vencedor: Tesla

2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison
2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison

Eficiência

Jaguar: Mesmo menor, mais baixo e mais leve, o Jaguar é o menos eficiente dos dois. O EPA homologa o I-Pace com o equivalente a 34 km/l na cidade, 30 km/l na cidade e 32 km/l combinados. Como comparação, o Model X 75D tem 38 km/l na cidade, 40 km/l na estrada e 39 km/l combinados. Essa eficiência extra do Tesla permite que a bateria de 75 kWh rode 380 km com uma carga, enquanto a de 90 kWh do Jaguar o leva a 376 km. 

Ainda assim, o I-Pace oferece bastante autonomia para o consumidor comum, que ainda pode o deixar mais eficiente com truques aerodinâmicos como a suspensão a ar que reduz a altura do carro em 1 cm acima dos 100 km/h, uma grande entrada de ar no capô que joga o ar pelo para-brisas e as maçanetas externas que se escondem nas portas quando trancadas. 

Tesla: Enquanto os truques do I-Pace o levam a um coeficiente aerodinâmico de 0,29, o Model X tem, com seu desenho arredondado e suspensão a ar, 0,25. Como referência, o Toyota Prius hatch (não vendido no Brasil) tem 0,24. 

Ambos são rápidos na recarga em casa. Ache uma das torres da Tesla de carregamento rápido ou uma fonte para o I-Pace e ambos terão baterias carregadas ainda mais rápido. De fato, o Jaguar diz que o I-Pace pode ter 80% de bateria (vindo do zero) em menos de 40 minutos. 

Vencedor: Tesla

2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison

Preço

Jaguar: Com valor inicial de US$ 69.500, o I-Pace é mais de US$ 14 mil mais barato que o Model X. É uma diferença considerável para os compradores que estão procurando um SUV elétrico de luxo capaz de viajar mais de 360 km com uma carga completa. A versão de entrada, I-Pace S, é bem equipada e vem de série com itens como ar-condicionado de duas zonas, bancos elétricos, chave presencial e o InControl Touch Pro Duo, que inclui navegação e espelhamento via Apple CarPlay e Android Auto. 

Colocando opcionais e indo para versões como a SE e HSE, a conta aumenta. São US$ 80.500 pela HSE mais US$ 995 de frete, chegando aos US$ 88.840 (com opcionais) desta unidade testada, o fazendo US$ 20 mil mais caro que a versão de entrada. 

Tesla: Com preço inicial de US$ 84 mil, o Model X é salgado. Ainda assim, o preço do Tesla reflete a capacidade adicional do modelo. Com maior espaço interno e para bagagens, o Model X pode rebocar mais de 2,2 toneladas. O Jaguar não pode ser utilizado para reboque. 

Com a terceira fileira, Enhance Autopilot e os US$ 1.200 de frete, este Model X 75D chega aos US$ 96.700. São US$ 16.200 a mais que o I-Pace HSE. Mesmo assim, custar abaixo dos US$ 70 mil faz do Jaguar mais interessante para um número de compradores, mesmo sendo menor e não podendo rebocar. 

Vencedor: Jaguar

2019 Jaguar I-Pace Vs. 2018 Tesla Model X: Comparison

Veredicto

Eles são veículos para diferentes compradores. Mesmo assim, os dois elétricos podem ser comparados por suas similaridades em performance, autonomia e corpo de crossover. 

O Jaguar é mais bonito e mais divertido de dirigir, mas é pior como SUV. É mais apertado por dentro, leva menos carga, não pode rebocar e tem no máximo cinco lugares. 

Graças a seu porte maior e terceira fileira, o Tesla está apto a carregar mais passageiros e carga. Além disso, pode rebocar e tem maior autonomia que o Jaguar. 

Não que o Jaguar seja ruim, longe disso. Quando totalmente equipado, este I-Pace de US$ 88.840 é estiloso e bom de dirigir, mas não tem a eficiência, versatilidade e capacidade do Model X. 

Vencedor: Tesla

  Jaguar I-Pace EV400 HSE 2019 Tesla Model X 75D 2018
Motor: Dois motores magnéticos permanentes sincronizados Dois motores de indução
Baterias: 90-kWh, Lithium-Ion 75-kWh, Lithium-Ion
Autonomia: 374 km 380 km
Potência e torque: 400 cv / 70,8 kgfm 333 cv / 53,5 kgfm
Câmbio: Automático, uma marcha Automático, uma marcha
Tração: All-Wheel Drive All-Wheel Drive
0 a 96 km/h: 4,5 s (est.) 4,9 s (est.)
Velocidade máxima: 198 km/h 208 km/h
Peso: 2.170 kg 2.407 kg
Capacidade de reboque:

Não recomendado

2.267 kg
Lugares: 5 7
Preço de entrada:

$80.500

$84.000
Como testado: $88.840 $96.700

Galeria: Comparativo: Jaguar I-Pace Vs. Tesla Model X