O fim da Troller está cada vez mais próximo. A Ford, dona da marca desde 2007, anuncia que irá encerrar a produção do jipe Troller T4 na fábrica em Horizonte (CE) no final de setembro. Os funcionários continuarão trabalhando até o fim de novembro para criar um estoque de peças de reposição e, após esta data, o complexo encerrará de vez as suas atividades sob o comando da fabricante norte-americana.

Em comunicado enviado aos empregados, a Ford afirma que continua "com a venda dos nosso ativos (terreno e máquinas), no entanto, a produção dos veículos Troller não terá continuidade". A empresa tem alguns interessados no complexo cearense, como revelou recentemente o Diário do Nordeste. A reportagem publicada afirma que a negociação está bem avançada e seguiu para uma análise jurídica na matriz.

external_image

O texto, assinado pelo jornalista Victor Ximenes, afirma que dois investidores estariam disputando a compra da fábrica em Horizonte, sendo ambas empresas nacionais fora do setor automotivo. A ideia seria manter a Troller viva, com um investimento para modernizar a fábrica e criar novos modelos além do T4, inclusive com um projeto de criar veículos elétricos.

Galeria: Troller TX4

Como a Ford deixou claro no comunicado, um novo impasse surgiu com o Governo do Ceará. A decisão da Ford é a de que a marca Troller não continuará e não faz parte da venda. Quem adquirir o complexo, não poderá mais usar a marca e nem os designs, o que exigiria ainda mais investimento para criar um novo modelo do zero, além de fazer uma nova marca.

Troller TX4
Troller TX4

De acordo com o Diário do Nordeste, o engenheiro Maia Júnior, secretário do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet) do Ceará, esta decisão da Ford desrespeita o acordo feito com o governo do estado. O Governo do Ceará buscava compradores para preservar os 470 empregados, da mesma forma que aconteceu em São Paulo quando a marca anunciou o fechamento do complexo em São Bernardo do Campo (SP).

Troller T4 2019

Esta situação teria sido comunicada ontem em uma reunião da Sedet com diretores da Ford, que confirmaram a decisão da matriz de que a marca Troller não faria parte da venda e, com isso, nenhum veículo da empresa poderia ser produzido. Maia Júnior afirma que divulgará uma nota oficial ainda hoje (10 de agosto) sobre o assunto e esta notícia será atualizada posteriormente.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com