Vendas de motos 0km no país no primeiro semestre supera 2020 em 47,7%. Confira quais são as mais vendidas

Encerrado o mês de junho, já é possível ver o processo de recuperação da indústria de duas rodas nacional no primeiro semestre de 2021. Foram 517.362 novas motos ganhando as ruas nos 6 primeiros meses do ano, número que supera em 47,7% os 350.280 emplacamentos registrados em igual período do ano passado.

Porém, vale lembrar que 2020 foi severamente atingido pelas consequências da primeira onda da pandemia, sendo que fábricas e lojas ficaram fechadas durante alguns períodos. Mesmo com a indústria nacional agora enfrentando um novo desafio - a escassez de componentes, o panorama que se desenha para 2021 ainda é positivo.

Honda Biz 125 2021
Shineray - Motos no Brasil

Entre as marcas, destaque para a Shineray, que se firmou como a quarta maior montadora do país, ficando atrás apenas de BMW, Yamaha e Honda, que liderou novamente com folgas. A Honda sozinha emplacou 389.095 motos, o que lhe confere 75,21% de participação. Ou seja, a cada 4 motos novas que chegam às ruas, 3 são Honda.

POS. MARCA 1º SEM. 2021 % TOTAL 1º SEM. 2020 % TOTAL % VAR. 2021/2020
HONDA 389.095 364,60% 269.839 244,40% 44,20%
YAMAHA 95.567 89,55% 55.468 50,24% 72,29%
BMW 5.469 5,12% 3.845 3,48% 42,24%
SHINERAY 5.315 4,98% 2.327 2,11% 128,41%
KAWASAKI 4.236 3,97% 3.165 2,87% 33,84%
HAOJUE 4.125 3,87% 3.975 3,60% 3,77%
DAFRA 2.404 2,25% 1.363 1,23% 76,38%
TRIUMPH 2.367 2,22% 1.917 1,74% 23,47%
ROYAL ENFIELD 2.314 2,17% 894 0,81% 158,84%
10º AVELLOZ 1.196 1,12% 757 0,69% 57,99%
... ... ... ... ... ...
TOTAL 517.362 100,00% 350.280 317,26% 47,70%

Comparando o primeiro semestre de 2020 com igual período de 2021, a Royal Enfield obteve o maior crescimento. A marca emplacou 2.314 unidades neste ano, contra 894 no ano passado, após crescimento de 158,84%. Considerando que o crescimento médio do mercado foi de 47,7% no período, algumas marcas ficaram abaixo desta marca. São elas: Honda (44,20%), BMW (42,24%), Kawasaki (33,84%), Triumph (23,47%) e Haojue, que obteve o pior desempenho entre as 10 marcas mais vendidas ao crescer apenas 3,77%.

Honda NXR 160 Bros Special Edition 2020
Yamaha Fazer 150 2022
Honda CB 250F Twister 2021

Entre as motos mais vendidas, não há muita novidade. A Honda domina o ranking da primeira à quinta posições com, respectivamente, CG 160, Biz, Bros, Pop 110i e Twister. Apesar da queda no último mês, a Fazer 250 ainda é a moto mais vendida da Yamaha no ano, ficando com a 6ª posição. A grande diferença é que o primeiro semestre de 2021 viu uma participação menor dos scooters entre as 10 motos mais vendidas, tendo apenas o Honda PCX na 9ª colocação. Por outro lado, o Honda ADV, que chegou às lojas no início de 2021, já aparece entre as 20 mais vendidas do ano, na 17ª posição.

POS. MODELO 1º SEM. 2021 % TOTAL 1º SEM. 2020 % TOTAL % VAR. 2021/2020
HONDA CG 160 139.685 130,89% 96.720 87,60% 44,42%
HONDA BIZ 68.785 64,46% 52.543 47,59% 30,91%
HONDA NXR 160 59.259 55,53% 36.614 33,16% 61,85%
HONDA POP 110I 45.302 42,45% 30.814 27,91% 47,02%
HONDA CB 250F TWISTER 17.286 16,20% 11.740 10,63% 47,24%
YAMAHA FAZER 250 15.621 14,64% 9.405 8,52% 66,09%
YAMAHA XTZ 150 15.054 14,11% 8.284 7,50% 81,72%
YAMAHA YBR 150 14.194 13,30% 8.456 7,66% 67,86%
HONDA PCX 150 12.861 12,05% 11.421 10,34% 12,61%
10º HONDA XRE 300 12.250 11,48% 9.532 8,63% 28,51%
11º HONDA XRE 190 10.887 10,20% 6.460 5,85% 68,53%
12º YAMAHA NMAX 10.693 10,02% 5.451 4,94% 96,17%
13º YAMAHA XTZ 250 9.244 8,66% 6.641 6,01% 39,20%
14º YAMAHA YS150 FAZER 7.870 7,37% 4.132 3,74% 90,46%
15º HONDA ELITE 125 7.635 7,15% 6.516 5,90% 17,17%
16º YAMAHA NEO 125 6.726 6,30% 4.386 3,97% 53,35%
17º HONDA ADV 150  6.112 5,73% - - -
18º YAMAHA YBR 125 5.601 5,25% 3.509 3,18% 59,62%
19º YAMAHA MT03 4.431 4,15% 2.640 2,39% 67,84%
20º SHINERAY XY 50 3.993 3,74% 1.947 1,76% 105,08%

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com