O mês de junho pode ser considerado como um período de estabilidade para o mercado de motocicletas. Com 106.717 emplacamentos no período, o setor de duas rodas viu a comercialização cair apenas 3,34% na comparação com maio (110.408 unidades). No entanto, os desafios impostos pela pandemia e alguns lançamentos ainda estão mostrando forte influência no ranking das mais vendidas.

A Honda CG 160 caiu das 30.864 unidades em maio para 25.373 emplacamentos em junho, com retração 17,31%, uma das piores registradas entre as 20 motos mais vendidas. No entanto, vale lembrar que a motocicleta - que ainda é a mais vendida por ampla margem - passou recentemente por uma troca de ano modelo, trazendo um visual repaginado. Assim, a queda também pode ser devido à chegada das novidades nas lojas.

Honda Biz 125 2021
Honda NXR 160 Bros Special Edition 2020
Honda Pop 110i 2019

Mesmo assim, a Honda ainda tem o que comemorar. Além de dominar todas as posições do ranking de junho até a 6ª posição, também viu um alto crescimento nos emplacamentos de alguns de seus modelos. Na segunda posição aparece a Biz (7,16% de crescimento), seguida por Bros (5,51%), Pop 110i (queda de 4,21%) e Twister (alta de 4,98%). O destaque mesmo vai para a XRE 300, sexta colocada com crescimento de 19,3% na comparação entre maio e junho. A maior alta nas vendas nesse período entre as 20 mais vendidas foi do Honda Elite 125 (11ª colocação), que cresceu 26,18%.

Yamaha Factor 150 2022
Yamaha Crosser 150 2019
Nova Yamaha Fazer 250 2018

Por outro lado, as motos da Yamaha não venderam tão bem no mês passado. As mais comercializadas ainda são a Factor 150 (7ª), Crosser 150 (8ª) e Fazer 250 (9ª). Além da perda de posições, a maior parte das motos da marca mostrou queda nos emplacamentos, sendo o caso mais grave o da Crosser, que viu suas vendas retraírem 17,08% entre maio e junho. O pior caso para a marca dos três diapasões foi do scooter NMax 160, que caiu 26,18% no total de vendas nesse período. A marca passou por uma suspensão na produção em maio e ainda pode estar sentindo os reflexos.

POS. 

MODELO 

JUN. 21 

% TOTAL 

MAI. 21 

% TOTAL 

% VAR. JUN/MAI 

POS. MAI. 

 

HONDA CG 160 

25.373 

23,78% 

30.684 

27,79% 

-17,31% 

 

 

HONDA BIZ 

15.635 

14,65% 

14.590 

13,21% 

7,16% 

 

 

HONDA NXR 160 

14.118 

13,23% 

13.381 

12,12% 

5,51% 

 

 

HONDA POP 110I 

9.719 

9,11% 

10.146 

9,19% 

-4,21% 

 

 

HONDA CB 250F TWISTER 

4.219 

3,95% 

4.019 

3,64% 

4,98% 

 

 

HONDA XRE 300 

3.455 

3,24% 

2.896 

2,62% 

19,30% 

 

 

YAMAHA YBR 150 

2.879 

2,70% 

3.162 

2,86% 

-8,95% 

 

 

YAMAHA XTZ 150 

2.864 

2,68% 

3.454 

3,13% 

-17,08% 

 

 

YAMAHA FAZER 250 

2.842 

2,66% 

3.123 

2,83% 

-9,00% 

 

10º 

HONDA PCX 150 

2.771 

2,60% 

2.468 

2,24% 

12,28% 

10º 

11º 

HONDA ELITE 125 

2.169 

2,03% 

1.719 

1,56% 

26,18% 

13º 

12º 

HONDA XRE 190 

2.059 

1,93% 

2.190 

1,98% 

-5,98% 

11º 

13º 

YAMAHA XTZ 250 

1.751 

1,64% 

1.639 

1,48% 

6,83% 

14º 

14º 

YAMAHA YS150 FAZER 

1.661 

1,56% 

1.626 

1,47% 

2,15% 

15º 

15º 

YAMAHA NMAX 

1.392 

1,30% 

1.954 

1,77% 

-28,76% 

12º 

16º 

YAMAHA NEO 125 

1.271 

1,19% 

1.189 

1,08% 

6,90% 

17º 

17º 

HONDA ADV 150  

1.076 

1,01% 

1.180 

1,07% 

-8,81% 

18º 

18º 

YAMAHA YBR 125 

1.071 

1,00% 

1.193 

1,08% 

-10,23% 

16º 

19º 

YAMAHA MT03 

881 

0,83% 

748 

0,68% 

17,78% 

19º 

20º 

SHINERAY XY 50 

834 

0,78% 

719 

0,65% 

15,99% 

20º 

... 

... 

... 

... 

... 

... 

... 

... 

  

TOTAL MOTOS 

106.717 

100,00% 

110.408 

100,00% 

-3,34% 

... 

Elite 125
Yamaha Neo 125 2020

Com 82.393 emplacamentos, a Honda permaneceu como a marca mais vendida de junho, mesmo perdendo 3,05% do total de vendas no mês passado em comparação a maio. A Yamaha (17.763 unidades) caiu 7,47% no total de emplacamentos. A pior queda no período foi da Kawasaki, que perdeu 9,57% das vendas em junho em relação ao mês anterior. O destaque entre as montadoras fica para a Royal Enfield. Com crescimento de 17,61% nas vendas de um mês para o outro, ela é agora a 7ª marca mais vendida do Brasil com 521 unidades, superando a Triumph (509 unidades).

POS. 

MARCA 

JUN. 21 

% TOTAL 

MAI. 21 

% TOTAL 

% VAR. JUN/MAI 

 

HONDA 

82.393 

77,21% 

84.988 

76,98% 

-3,05% 

 

YAMAHA 

17.763 

16,64% 

19.198 

17,39% 

-7,47% 

 

BMW 

1.258 

1,18% 

1.164 

1,05% 

8,08% 

 

SHINERAY 

1.110 

1,04% 

1.008 

0,91% 

10,12% 

 

KAWASAKI 

756 

0,71% 

836 

0,76% 

-9,57% 

 

HAOJUE 

647 

0,61% 

682 

0,62% 

-5,13% 

 

ROYAL ENFIELD 

521 

0,49% 

443 

0,40% 

17,61% 

 

TRIUMPH 

509 

0,48% 

508 

0,46% 

0,20% 

 

DAFRA 

478 

0,45% 

469 

0,42% 

1,92% 

10º 

AVELLOZ 

227 

0,21% 

211 

0,19% 

7,58% 

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Galeria: Honda CG 160 2022

Envie seu flagra! flagra@motor1.com