Embora seja derivado do SUV médio, novo modelo terá nomenclatura exclusiva

Já virou rotina recebermos flagras do Jeep de 7 lugares, que a FCA testa pelo Brasil ainda em formato de caixote. Embora a camuflagem pesada esconda as linhas do modelo, ele ainda está na fase de "mula", ou seja, usa diversos componentes de outros carros - principalmente do Compass, que vai emprestar a plataforma e outros itens ao novato.

Essa proximidade entre os dois Jeep faz com que muita gente se refira ao futuro modelo de 7 lugares como "Grand Compass", em alusão ao termo utilizado pela própria Jeep para designar seu modelo de luxo Grand Cherokee. No entanto, notícias vindas da Índia, que também terá o novo SUV por lá, dão conta de que a nomenclatura será inédita. E que não carregará o nome Compass. 

Embora use a mesma base do Compass, o Jeep de 7 lugares terá mudanças na plataforma para aumentar o entre-eixos e o balanço traseiro, de modo a aumentar o espaço na cabine e adotar, claro, uma terceira fileira de bancos. Terá portas maiores e com maior grau de abertura, além da segunda fila corrediça e rebatível. Será o modelo topo de linha da gama nacional da FCA, sendo produzido ao lado de Compass, Renegade e Toro na planta de Goiana, em Pernambuco. 

Jeep de 7 lugares - Teaser

Fontes ouvidas pelo Motor1.com já anteciparam que o design também será exclusivo, e não somente por conta da traseira alongada. Segundo nossos informantes, a dianteira também terá identidade própria. Já o interior deve acompanhar as novidades do Compass 2021 (fotos abaixo), versão reestilizada que já foi apresentada na China e traz muitas mudanças em relação ao modelo atual, incluindo volante, console central e multimídia, passando pelo quadro de instrumentos. 

Jeep Compass 2022 (China)
Flagra: Jeep Compass 2022 em Betim (MG)

A FCA também já disse que o modelo de 7 lugares será um dos carros mais sofisticados produzidos no Brasil, o que nos faz esperar por inéditos itens de comodidade e segurança. Sob o capô estarão os motores 2.0 turbodiesel, com potência elevada para cerca de 200 cv (o atual tem 180 cv), e o novo 1.3 turboflex que deverá entregar em torno de 180 cv. Enquanto o primeiro terá câmbio automático de 9 marchas e tração 4x4, o segundo deverá usar uma caixa do tipo CVT e ter tração apenas dianteira. 

O lançamento está marcado para o segundo semestre de 2021, após o Compass reestilizado. 

Fotos: Leonardo Fortunati/Motor1.com

Galeria: Flagra: Jeep de sete lugares (Brasil)