Modelo será revelado no ano que vem e começará a ser vendido em 2020

Considerado um dos lançamentos mais comentados da Ford no últimos anos, o aguardado SUV elétrico inspirado no visual do Mustang parece que finalmente está com nome definido. Depois de cancelar o uso do termo Mach 1 (nome que remete diretamente ao passado do Mustang), a marca registrou nos Estados Unidos a alcunha Mach E (que continua fazendo referência ao pony car, mas agora com o "E" de elétrico). O registro inclui as variações “Mach E” e “Mach-E", sendo ambos descritos como pertencentes a “veículos automotores, veículos eléctricos, automóveis de passageiros, caminhões, veículos utilitários esportivos, veículos fora-de-estrada".

Pelo que sabemos até agora, o projeto atende pelo codinome CX430 e está sendo tocado por uma nova equipe de trabalho chamada Ford Team Edison, que se concentra exclusivamente no desenvolvimento de veículos eletrificados da Ford e da Lincoln.  A ideia é que o modelo seja posicionado ao lado da próxima geração do Escape/Kuga, porém com proposta mais voltada para performance. A plataforma usada será a C2 do novo Focus, que desfruta de bastante flexibilidade, mas oferece como padrão tração dianteira (característica que vai de encontro à proposta de relacionar o novo SUV ao Mustang).

Ford Mustang SUV Render

Apesar disso, o visual carregará clara inspiração no esportivo, fato que fica evidente no aspecto muscular da carroceria e nas típicas lanternas formadas por três peças individuais. A ideia da Ford é apresentar o modelo oficialmente em 2019 e colocá-lo à venda em 2020. Um dos grandes destaques será a autonomia, que segundo estimativas ficará na casa dos 483 km.

Fonte: The Drive

Galeria: Flagra - Ford Mach 1 SUV

Foto de: Automedia