Empresa irá focar em evento próprio na Europa

A Ford seguirá os passos da Volvo e irá se ausentar o Salão de Genebra do ano que vem, de acordo com o site Automotive News. A decisão teria sido tomada pela fabricante por conta de sua agenda de lançamentos e isso deixaria seu estande no evento sem algo inédito. Ao invés de participar do Salão que abre o ano na Europa, a a marca norte-americana decidiu fazer o seu próprio evento, o Go Further.

"Custa muito dinheiro," disse um porta-voz da Ford Europa ao Automotive News. "Se não teremos retorno em termos de atenção da mídia ou do público, por quê participar?"

Ou seja, a Ford acha melhor fazer uma apresentação separada, que será outra edição do Go Further, programado para 1º semestre de 2019. A marca deve apresentar um novo veículo e divulgar mais detalhes de sua estratégia de eletrificação. Dizem por aí que a fabricante irá mostrar seu primeiro modelo híbrido-leve, assim como uma versão híbrida plug-in da van Transit Custom.

E a Volvo também não irá ao Salão de Genebra 2019:

Segundo um porta-voz da Ford, o local do evento ainda não foi decidido. Acreditamos que será em um país que tenha abraçado a eletrificação, como Noruega ou Holanda. O Go Further deve acontecer logo após o Salão de Genebra, que abrirá as portas em março do ano que vem.

"Deixar para depois nos dará mais visibilidade e deve custar menos," explica o porta-voz.

Não é a primeira vez que a Ford prefere uma apresentação fora dos grandes salões. A nova geração do Focus será mostrada publicamente pela primeira vez no festival de Goodwood, no dia 12 de julho, ao lado do novo Fiesta ST. O Reino Unido é o mercado europeu mais importante para a Ford, então não é uma surpresa que estejam investindo em uma apresentação local.

"Nos dá uma boa audiência e de um público que realmente é entusiasta. É um grande lugar para revelar novos produtos," diz Lisa Brankin, diretora de marketing da Ford Reino Unido, ao Automotive News.

Fonte: Automotive News