Ele ficará um pouco maior com a nova plataforma, mas sem abandonar a tração traseira

Mesmo que ainda seja o carro dos sonhos de muitos entusiastas, é inegável que o BMW Série 3 atual sente o peso da idade. Afinal, a geração F30 foi lançada em 2011 e teve apenas leves retoques visuais. Mas isso deve mudar em 2018, com a apresentação do novo BMW Série 3, como linha 2019. 

Novo BMW Série 3 - Flagra em Munique

Este flagra, feito em Munique, Alemanha, mostra que a camuflagem é apenas adesiva na carroceria, sem esconder as formas básicas do sedã. Assim como aconteceu com os Série 5 e 7, seus irmãos maiores, o Série 3 também deverá crescer, principalmente em entre-eixos, para ganhar mais espaço interno, principalmente para os passageiros do banco traseiro. Hoje, o pouco espaço é um dos pontos fracos do sedã. Irá adotar, como os maiores, a plataforma CLAR, mantendo a tração traseira ou, como opcional, a integral. 

Leia também:

Mesmo maior, o Série 3 ficará mais leve, com o uso de novos tipos de metais, materiais e formas de construção. Além dos atuais motores (gasolina e diesel, 3, 4 e 6 cilindros) recalibrados, o Série 3 G20 terá versão puramente elétrica e manterá a híbrida em linha, melhorando os índices de consumo e emissões da gama em geral. Por dentro, o Série 3 deve adotar o painel de instrumentos digital, mas ainda mantendo o visual clássico dos instrumentos analógicos. 

Fotos: Motor1.com