Capital do Alagoas é a 178ª colocada no ranking que tem 186 cidades

O aplicativo de navegação Waze divulga o Índice de Satisfação do Motorista, mostrando quais são as melhores e piores cidades para dirigir no mundo. No Brasil, a pior foi Maceió (AL), 178ª colocada no ranking que tem 186 lugares. Em seguida está São José (SC) em 162º, Campo Grande (MS) em 161º, Florianópolis (SC) em 158º, e João Pessoa (PB) em 156º.

Leia também:

Para montar o ranking, o Waze se baseia nos relatos dos usuários sobre congestionamentos, acidentes, qualidade da via e serviços (como postos de combustível). Cada vez que uma pessoa manda um aviso no aplicativo de que há um buraco na rua ou que está parado em um congestionamento, o sistema atualiza a média de satisfação e, consequentemente, altera o ranking.

A nota máxima que uma cidade pode ter é 10. Nenhuma chegou nesse valor, mas a melhor avaliada foi Valence (França), com média de 8,81. Maceió teve nota de 3,37. E, acredite, não é tão ruim assim. A pior colocada, Cebu (Filipinas), marcou 1,15 e ficou na 186ª colocação. São José (SC) foi um pouco melhor, com nota 3,96. Logo acima está Campo Grande (MS), com 4,07 de média. Florianópolis é a quinta pior cidade do Brasil, avaliada com 4,18.

O resultado ruim de Maceió veio, principalmente, pelas condições das ruas. Teve nota 0 na qualidade da via e 0,77 na quantidade de serviços sinalizados. Em comparação, Jacarta (Indonésia) está empatada com Maceió, mas sofre pelo trânsito, com nota 0,57 para os congestionamentos (a cidade brasileira recebeu 3,39). Porém, é mais conservada, recebendo 6,10 para a qualidade.

Do outro lado do ranking, a melhor cidade do Brasil para dirigir é Volta Redonda (RJ), 29ª da tabela e com nota 7,51. Sorocaba (SP) é a segunda melhor, na 41ª posição e média de 7,32. Atibaia (SP) está logo atrás, na 43ª colocação e nota 7,30. Taubaté (7,11) e Jacareí (7,10), ambas no interior paulista, fecham a lista das cinco melhores, na 50ª e 51ª posição, respectivamente.

Foto: Divulgação