Parece piada, mas não é

Quando Markus Zahn estacionou seu McLaren 650S Spider laranja na beira de uma estrada rural em Vogelsberg, Alemanha, a última coisa que ele provavelmente esperava ver quando retornasse era um burrinho comendo seu esportivo de US$ 365.000. Vitus, o burrinho que estava em um cercado próximo, foi pego comendo a traseira do McLaren - e causou alguns danos ao carro. 

"Olhei pelo retrovisor e vi um par de orelhas pontudas! E então, ouvi um barulho estranho", disse ele em entrevista ao jornal alemão Bild. "O som era do burro, que estava comendo o aplique do para-choque". 

Galeria: McLaren 650S Spider

 

De acordo com a reportagem, a corte alemã ordenou que o dono de Vitus pagasse US$ 6.800 em danos causados pelo incidente. A parte traseira do carro foi comida pelo animal, danificando a pintura e partes de fibra de carbono, causando danos de, aproximadamente, US$ 35.000 no total. Parte foi coberta por um concessionário McLaren local, mas os o resto da conta é do dono de Vitus. 

Na hora do incidente, o dono de Vitus se recusou a pagar os danos, sugerindo que Zahn não deveria ter parado seu caro esportivo tão perto do cercado. Como a seguradora não quis arcar com o prejuízo, Zahn foi forçado a levar o dono de Vitus a corte. 

A policia diz que o burro confundiu o carro com uma cenoura gigante - e Zahn concorda. "Provavelmente ele achou que era uma cenoura com rodas", disse ele. "Não estou bravo com ele". O burro não quis comentar a noticia. 

Fonte: Bild via Autoblog