Tudo que amamos em um Mini, mas sem o ronco do motor

A Mini diz que o Electric Concept foi projetado para as áreas urbanas, onde curtas distâncias e trânsito congestionado são os ambientes ideais para um pequeno carro com baterias no lugar do tanque de combustível. Claro, este tipo de veículo já existe, mas a Mini promete que seu elétrico trará "o desenho icônico, habilidades urbanas e dirigibilidade "go-kart feeling" junto com a motorização da era moderna. 

Por fora, não há duvidas que este carro é um Mini 3 portas. Ele usa o esquema de cores já visto há algum tempo no Mini E, usando o prata com detalhes amarelos. Uma grade fechada simula uma entrada de ar e nos lembra que não há um motor para resfriar, mas elementos aerodinâmicos aumentam a autonomia. 

Já que não há saídas de escapamento, o Mini Electric Concept usa um difusor de ar na traseira, com visual suave e eficiente para manter as proporções. O visual é complementado por detalhes nas laterais, que a Mini diz que são feitos em fibra de vidro para não aumentar muito o peso. E temos que admitir que a bandeira do Reino Unido na traseira ficou bem legal. 

 

Mini Electric Concept
Mini Electric Concept
Mini Electric Concept
Mini Electric Concept

Não gostamos das rodas de 19", que a Mini diz ter incorporado material aerodinâmico feito em impresora 3D. Podem usar uma tecnologia moderna, mas ainda são rodas de 4 raios, o equivalente ao óculos laranja no mundo da moda - ou, neste caso, amarelo - comprado no camelô. 

Na parte de desempenho, ainda veremos. O que sabemos é que a Mini planeja um carro elétrico para 2019, e o Electric Concept é uma prévia do que vem por aí. Mesmo assim, a marca é conhecida por sua potência, peso ou outras características esportivas. 

Teremos mais detalhes sobre o Mini Electric Concept quando ele aparecer oficialmente em algumas semanas, no Salão de Frankfurt. 

Fotos: Mini

Galeria: Mini Electric Concept