Superimposto tem relação com disputada travada com a Europa sobre o comércio de carnes

O Escritório dos Representantes Comerciais dos Estados Unidos enviou proposta nesta semana ao governo sugerindo a sobretaxação de motocicletas importadas da Europa. Segundo informado, todas as motos equipadas com motores de 50 a 501 cm³ seriam obrigadas a pagar imposto de 100% para entrar no mercado norte-americano.

Embora as partes não falem abertamente, a proposta é uma retaliação direta à disputa que envolve o comércio de carnes entre os EUA e países europeus. Em nota, a Associação Americana de Motociclistas declarou que "conflitos comerciais agrícolas não devem ser resolvidos com sanções comerciais impostas contra produtos não-agrícolas".

Se colocada adiante, a medida afetará diretamente marcas como BMW, Ducati, Husqvarna, Beta, KTM, Aprilia e muitas outras. O impacto nas vendas e preços será incalculável e concessionárias poderão ir à falência, consequentemente gerando desemprego.

Leia também:

Fotos: divulgação