Teste instrumentado Novo Chevrolet Spin Activ 2019: A família agradece

Se hoje os SUVs são a sensação do momento, o começo dos anos 2000 era das minivans. A moda era dirigir Renault Scénic, Citroën Xsara Picasso e Chevrolet Zafira, apenas para citar os nomes mais famosos da época. Eram tempos mais fáceis para quem procurava um carro para a família, com amplo espaço para passageiros e bagagem. Hoje as opções se limitam aos sedãs, raras e poucas peruas e os SUVs, mas nenhum deles consegue ter a modularidade de uma minivan na faixa dos R$ 80 mil. 

O que aconteceu antes com o Spin:

É aqui que a Chevrolet coloca o Spin. OK, visual nunca foi seu ponto forte desde que foi apresentado, em 2012, mas não dá para negar que seu espaço interno e modularidade são únicos nesta faixa de preço, resultando em relativo sucesso nas lojas. Até maio, foram emplacadas 7.778 unidades em 2018, número superior ao de alguns SUVs e carros mais baratos. A Chevrolet está tão feliz com sua clientela que focou as mudanças da linha 2019 em aspectos importantes para o público do segmento, ou seja, famílias e motoristas de táxi e aplicativos.

No CPCA (Campo de Provas de Cruz Alta), pudemos conhecer e testar inicialmente na versão topo de linha Activ. Em tempos de SUVs, o visual aventureiro faz sucesso e justifica a opção da GM em mostrá-la antes das versões "normais", que serão apresentadas no começo de julho. Como alguns flagras anteciparam, a mi...