Cotado para o Brasil, o novo SUV merece mesmo ser chamado de Bronco? É o que fomos conferir

Vamos começar tirando da frente a questão mais relevante sobre o novo Bronco Sport 2021. Sim, ele merece fazer parte da família Bronco. É normal ter essa desconfiança quando uma marca tenta tornar popular um emblema focado no entusiasta para aumentar seu mercado. Mas, após uma breve incursão fora-de-estrada no parque off-road Holly Oaks, nos arredores de Detroit (EUA), podemos dizer que não há motivo para os fãs ficarem preocupados. O Sport é um Bronco, e ponto final. 

Ele é menos potente e menos bruto que o Bronco original, é verdade, mas nunca falta capacidade - ao menos na versão Badlands experimentada pelo Motor1.com. Equipado com o motor mais forte disponível para o modelo, o 2.0 turbo EcoBoost (há também o 1.5 turbo EcoBoost de 3 cilindros), suspensão elevada (com amortecedores traseiros alongados) e pneus de 28,5", é o mais capaz que um Bronco Sport pode ser. 

2021 Ford Bronco Sport driving through water from the rear
2021 Ford Bronco Sport fender badge

Brincando no parque

A grande conclusão que podemos tirar desta nossa primeira incursão off-road com o Bronco Sport é que ele é muito confortável em pisos ruins, tanto pela naturalidade com que sai do asfalto quanto pela forma com que a suspensão lida com obstáculos difíceis. 

Logo depois do portão do parque, o Bronco Sport se sentiu em "casa", enfrentando um declive íngreme e avançando pela areia profunda até escalar uma grande colina arenosa. O motor 2.0 turbo fornece ampla força para manter o SUV com fôlego nas ladeiras, como se estivesse ansioso. Vale destacar que o sistema de tração 4x4 proporcionou uma aderência impressionante na subida, sem nenhuma derrapagem ou vacilo no processo. E olha que nem estávamos usando o sistema "Trail Control". 

A gente se sente meio confuso de chamar esse equipamento (exclusivo da versão Badlands) de piloto automático off-road, porque na verdade ele é mais do que isso. Não poderíamos imaginar usá-lo em terreno plano, até porque preferimos o nosso próprio pé direito. Mas, em qualquer situação que normalmente usaríamos o controle de descida (HDC) de algum veículo, o Trail Control brilha por descer e também subir. Ou seja, ele faz o trabalho de segurar o carro num barranco, mas também funciona na direção oposta (como o Jaguar F-Pace faz). Numa escalada rochosa, lisa ou arenosa, este recurso é uma dádiva de Deus. 

Enfrentar terrenos ruins não significa passar desconforto com o Bronco Sport. Na verdade, a suspensão elevada deste modelo Badlands pareceu quase luxuosa na trilha, com movimentos verticais e laterais muito bem contidos. Outra coisa que chamou nossa atenção foi o baixo nível de ruído, a despeito de estarmos num protótipo em fase de desenvolvimento - que ainda tem um caminho para chegar à versão de produção. 

2021 Ford Bronco Sport driving off-road
2021 Ford Bronco Sport from above off-road

Os sons certos

Considerando o grande número de monótonos motores 2.0 turbo de 4 cilindros do mercado, perdoaríamos o Bronco Sport por ser um pouco monótono. Mas não é o caso. Na verdade, a Ford ajustou o escape do modelo para ser mais atraente que no Escape, que usa exatamente o mesmo propulsor e a mesma transmissão automática de 8 marchas. E, como cereja do bolo, o 2.0 litros fica com um ronco mais grave nos modos de condução off-road. 

O resultado, acredite, é que o 2.0 turbo do Bronco Sport soa melhor que o 2.3 do Bronco "de verdade" que dirigimos no fim do dia. E tão enérgico quanto ele também. Não tivemos muito espaço para buscar performance por estarmos na terra, mas fizemos algumas acelerações fortes que revelaram desempenho semelhante ao do Escape com o mesmo motor. Isso significa uma ampla resposta em baixas rotações e uma faixa média bem robusta.

O câmbio automático de 8 marchas respondeu à altura das tarefas off-road, segurando as marchas de forma responsável, mesmo sem usarmos as borboletas no volante para trocas manuais. Foi difícil avaliar a velocidade das trocas, mas, se for como o Escape, esperamos um comportamento inteligente na estrada. 

2021 Ford Bronco Sport interior dashboard
2021 Ford Bronco Sport rear seats

Sólido também por dentro

O fato de estarmos num protótipo não serviu de desculpa para que não reparássemos no acabamento. A qualidade dos materiais utilizados nesta versão topo de linha pareceu satisfatória e, embora tenha elementos comuns com o Escape, as opções de cores e texturas são distintas o suficiente para que possamos perdoar os elementos visuais compartilhados (tais como volante e diversos botões de comando). Também gostamos do banco do motorista, que se revelou confortável e com bom apoio durante os sacolejos da trilha. 

Apesar do curto tempo deste primeiro contato, o Bronco Sport nos causou boa impressão com sua postura e habilidade. Ainda estamos há vários meses da estreia oficial do modelo (sua fabricação no México deixa as coisas bem encaminhadas para sua vinda ao mercado brasileiro, pela ausência do Imposto de Importação), mas, pelo menos em termos de habilidade fora-de-estrada, o novo SUV tem amplas condições de trazer uma nova clientela para os showrooms da Ford. Seja nos EUA ou no Brasil.

Fotos: divulgação

Galeria: Ford Bronco Sport 2021

2021 Ford Bronco Sport Badlands

Motor Turbocharged 2.0-liter I4
Potência 245 Horsepower / 275 Pound-Feet
Transmissão 8-Speed Automatic
Tipo de direção All-Wheel Drive
Consumo de combustível N/A
Peso 3,707 Pounds
Número de assentos 5
Volume do porta-malas 29.0 / 60.1 Cubic Feet
Reboque 2,200 Pounds
Preço de entrada $32,660