Se as coisas estão ruins para os hatches médios em geral, para o Peugeot 308 estão ainda piores. A primeira geração ainda é feita na Argentina atualmente tem vendas pífias, somando 434 unidades em 2018 - menos até que o Volvo V40, também antigo e bem mais caro. Além de ser um carro em um segmento cada vez mais próximo da morte no Brasil, o 308 está bem desatualizado, já que sua segunda geração foi lançada na Europa em 2013.