A Montana nasceu em 2003 como a segunda geração da picape Corsa, porém com outro nome para dar nova identidade – as rivais lançavam novos modelos, como a Ford Courier e Fiat Strada. Mexeram na plataforma, aumentando o entre-eixos para 2,71 metros, 370 milímetros a mais. Isso aumentou a capacidade de carga para 1.143 litros e 735 kg. Aproveitou a evolução na mecânica da GM, recebendo o novo 1.8 flex de 109 cv que havia sido adotado pelo Corsa na mesma época. Em 2008, passou a contar também com o 1.4 Econoflex do Prisma, de 105 cv com etanol e 99 cv com gasolina. A segunda geração veio em 2010, desta vez com a plataforma do Corsa Classic e design inspirado no polêmico Agile.