A Toyota já confirmou que planeja continuar desenvolvendo veículos esportivos e divertidos nos próximos anos, mas não deverá tocar todos os projetos sozinha. Em entrevista concedida à mídia da Austrália, o presidente da divisão Gazoo Racing, Tomoya Takahashi, disse que as novidades que estão no radar são caras de produzir e deverão ter desenvolvimento compartilhado com montadoras parceiras.

"O mercado de carros esportivos está encolhendo no futuro. Não podemos manter os carros esportivos só com a marca Toyota. A colaboração entre marcas aumentará no futuro", explicou. Com isso, tudo indica que a empresa repetirá a estratégia usada anos atrás com outros modelos também esportivos - leia-se os Toyota/Subaru GR86/BRZ e os Toyota/BMW Supra/Z4. Resta saber qual ou quais marcas serão chamadas para fazer a parceria.

Toyota GR Supra 2024

Takahashi prosseguiu dizendo que a missão “não é a sobrevivência de um fabricante, mas a proteção dos consumidores de entusiasta”. Explicou ainda que “às vezes precisamos colaborar” para distribuir custos e viabilizar financeiramente o projeto de um carro esportivo. Em outubro de 2023, o presidente da Toyota, Akio Toyoda, sugeriu a volta ao mercado do icônico Celica, despertando a alegria de muitos fãs. O projeto do modelo, inclusive, pode já estar sendo executado internamente.

Toyota Corolla Cross GR-Sport 2023

Outra novidade já confirmada para a gama GR é o lançamento de um SUV de alto desempenho. O próprio Takahashi confirmou a novidade e adiantou que adicionar um SUV esportivo ao catálogo é "necessário". O modelo a ser preparado, porém, ainda é segredo. As principais apostas giram em torno dos grandalhões Land Cruiser 300 e Land Cruiser Prado, além dos médios RAV4 ou Corolla Cross. Será uma versão GR legitimamente preparada (com motorização, design e suspensão exclusivos) e não apenas com tratamento GR-Sport.

Envie seu flagra! flagra@motor1.com