Marca avalia questões ambientais, viabilidade comercial e comportamento do mercado

Na comparação com outras gigantes do setor, como Volkswagen, Audi, BMW e Porsche, muitos podem achar que a Toyota está tremendamente atrasada na oferta de veículos elétricos. A concorrência já oferece diversas opções no segmento, enquanto a japonesa só agora começa a entrar para o mercado com o SUV bZ4x. Todo esse 'atraso', porém, é estratégico. A marca avalia uma série de fatores e não planeja depositar todas as fichas apenas nos elétricos.

Além das incertezas que pairam sobre a viabilidade econômica dos EVs, a empresa pondera principalmente sobre questões ambientais. Em reunião anual com acionistas, executivos explicaram a ponderação e afirmaram que estão olhando para todo o ciclo de vida dos elétricos, já que estudos recentes indicam que a cadeia produtiva dos veículos e das baterias pode emitir mais emissões do que os próprios modelos a combustão.

Galeria: Toyota bZ4X

Outro fator importante e ainda mais significativo para o Toyota é o comportamento do consumidor. Diretor de tecnologia da marca, Masahiko Maeda disse recentemente: “No final, o que importa é o que os clientes escolhem”. Nos EUA, por exemplo, os elétricos representam menos de 2% do mercado. É uma fatia muito pequena para ser disputada por tantas montadoras.

Diante disso, a Toyota planeja manter em oferta uma variedade de opções de propulsão pelos próximos 30 anos, cada qual competindo pela própria viabilidade econômica e ambiental. Isso inclui motores a gasolina, híbridos, movidos a célula de combustível e elétricos. Em suma, a estratégia da marca é não colocar todos os ovos numa única cesta.

A ponderação da Toyota com os EVs, porém, não significa que a marca não está investindo na tecnologia. O primeiro veículo elétrico da empresa, chamado bZ4x, já foi apresentado e começará a ser vendido em 2022. Será o primeiro de uma família de 7 veículos elétricos que chegarão aos EUA até 2025. Globalmente, serão pelo menos 15 EVs lançados até a mesma data.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com