Projetada para o Brasil depois de um investimento de R$ 100 milhões, a Peugeot Hoggar foi lançada em 2009 de olho em um segmento que crescia e que já tinha concorrentes como a Fiat Strada, Volkswagen Saveiro e Chevrolet Montana. Produzida em Porto Real (RJ), a Hoggar até conseguiu um bom volume de vendas no começo de vida, mas logo foi esquecida e saiu de linha em 2014.

E se a Peugeot decidisse voltar ao segmento com uma picape baseada no novo 208? É isso o que o designer Renato Aspromonte, do OverboostBR, apresentou com a projeção da picape sobre o hatchback, hoje produzido na Argentina. Usando como inspiração as picapes que são vendidas na África do Sul, a "nova geração" da Hoggar tem até versão elétrica, sobre o e-208. 

Projeção: Peugeot 208 picape (Hoggar)
Projeção: Peugeot 208 picape (Hoggar)

Se fosse real, a nova Peugeot Hoggar entraria novamente em um segmento aquecido, mas com um cenário bem diferente. Hoje, a Fiat Strada domina mais do que nunca as vendas, deixando VW Saveiro e Chevrolet Montana bem tímidas. No fim, seria uma briga interna, já que Peugeot e Fiat hoje fazem parte do grupo Stellantis, e inclusive poderiam dividir a mecânica, com os motores Firefly, por exemplo. 

Por enquanto, a Fiat segue feliz com a Strada e Toro, esta recentemente renovada. Da Peugeot, é esperado o lançamento da Landtrek, que será produzida no Uruguai e de olho no mercado de Chevrolet S10, Toyota Hilux e Nissan Frontier. Mas isso deve acontecer apenas em 2022, depois da finalização da planta. E a Hoggar? Só se alguém da Stellantis se inspirar na projeção e se empolgar...

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com