Modelo foi renovado para os mercados internacionais e representante em nosso país fará o lançamento em breve

O mercado das grandes nakeds esportivas está aquecido e foi a vez da Suzuki apresentar sua novidade para o segmento. Trata-se da linha 2022 da Suzuki GSX-S1000, moto que começará a chegar nas lojas europeias a partir de junho. A boa notícia é que a J.Toledo, representante da marca no Brasil, já colocou em seu site oficial que a novidade deverá chegar em breve ao nosso mercado também.

É a primeira vez que ela recebe uma reestilização desde seu lançamento em 2015. Entre as principais mudanças, a Suzuki GSX-S1000 ganhou um novo visual. As carenagens foram revisadas com prolongamentos que se estendem à frente até o garfo e abaixo do tanque, servindo de proteção para as laterais do motor e para o radiador. O farol também ganhou protagonismo na reestilização, trazendo agora dois canhões para os fachos de luz.

Galeria: Suzuki GSX-S1000 2022

Outra alteração relevante na linha 2022 foi a ergonomia. A Suzuki lançou mão de um guidão mais retilíneo, 23 mm mais largo e 20 mm mais próximo do piloto do que na linha 2021 da moto. Buscando um conforto maior, a nova GSX-S1000 também recebeu uma revisão nos bancos, com uma camada maior de espuma para o motociclista e o garupa.

A Suzuki manteve o motor de quatro cilindros em linha com 999 cm³ de capacidade, arrefecimento a líquido e duplo comando de válvulas. No entanto, precisou revisar o propulsor para atender às normas Euro5 de emissões de poluentes. Para isso, a Suzuki diz ter revisto os componentes internos do motor buscando um menor atrito dos componentes e instalado um novo comando de válvulas, entre outras alterações. A GSX-S1000 2022 entrega agora 152 cv de potência a 11.000 rpm, mais do que os 150 cv do modelo anterior. O torque, porém, caiu de 11 kgfm para 10,8 kgfm, com pico a 9.250 rpm.

A Suzuki declara que a linha 2022 da naked pesa 214 kg, já contando fluídos e combustível. Com isso, a sua aceleração de 0 a 200 km/h ocorre em 6,67 segundos. Uma ligeira melhora em relação aos 6,7 segundos da linha 2021. O câmbio permanece sendo mecânico de 6 marchas e a transmissão final é feita por corrente.

Suzuki GSX-S1000 2022
Suzuki GSX-S1000 2022

Falando em coisas que não mudaram, a nova GSX-S1000 2022 permanece com o mesmo chassi de dupla trave feito de alumínio. O conjunto de suspensão também não foi alterado, trazendo garfo telescópico invertido na dianteira e balança traseira com amortecedor único. As rodas são de liga leve com 17 polegadas à frente e atrás.

Na parte eletrônica, a Suzuki GSX-S1000 2022 chega com um novo painel de instrumentos digital com tela de LCD. A moto oferece ainda iluminação completa por lâmpadas de LED, quickshifter bidirecional, acelerador eletrônico, modos de condução selecionáveis, assistente de aceleração, controle de tração, freios Brembo e assistente de embreagem. Na Europa, a novidade irá custar a partir de 13.700 euros, ou cerca de R$ 90,4 mil na conversão direta da moeda. Ainda não há confirmação para seu preço no Brasil, mas, hoje, a linha 2021 da GSX-S1000 oferecida por aqui sai por R$ 62.839.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com