Novo Creta terá visual controverso, motor 1.0 turbo do HB20 e diversas tecnologias de assistência

O novo Hyundai Creta 2022 segue em testes pelo Brasil. Depois de estrear em países como China, Índia, África do Sul e México, o novo SUV da Hyundai finalmente se aproxima do lançamento no Brasil. A nova geração segue em constantes testes de adaptação pelo país e chamando atenção no trânsito por conta da camuflagem zebrada. Desta vez, o flagra foi captado em Salvador (BA) pelo leitor Albino Rocha, que fotografou dois protótipos rodando juntos.

Apesar dos disfarces, é possível confirmar que o design do novo Creta que será feito em Piracicaba (SP) será o mesmo do polêmico modelo vendido no exterior. Ou seja, o novo SUV da Hyundai terá dianteira com faróis recortados e com iluminação full-LED nas versões mais caras e traseira com lanternas que repetem o mesmo esquema de recortes. A diferença principal ficará por conta da grade, que no novo Creta nacional será do tipo colmeia, dispensando as barras horizontais cromadas.

Galeria: Hyundai Creta 2022 - Novos flagras

Os protótipos flagrados do novo Creta 2022 deixam escapar ainda outros detalhes: freios a disco nas 4 rodas (o modelo atual usa sistema a tambor no eixo traseiro) e câmera na parte superior do para-brisa, que indica a presença do sistema de frenagem automática de emergência. Há ainda antena de teto tipo barbatana e maçanetas cromadas, provavelmente por se tratar de uma versão intermediária ou topo de linha.

Nesta geração, o novo Creta ficou mais comprido, largo e ligeiramente mais baixo que a anterior. Ao todo, são 4,30 metros de comprimento, 1,79 metro de largura e 1,62 metro de altura. Para efeito de comparação, o Creta atual mede 4,27 metros, 1,78 m e 1,63, respectivamente. A distância entre-eixos também foi modificada e agora chega aos 2,61 metros - ganho de 2 centímetros.

Novo Hyundai Creta - México

Sob o capô, será novidade o motor 1.0 turbo de 120 cv emprestado do HB20. O propulsor certamente equipará as versões de acesso, com chances de substituir o atual 1.6 aspirado de 130 cv. É dúvida, porém, a motorização das versões mais caras, hoje equipadas com o 2.0 aspirado de 166 cv. A Hyundai terá de acompanhar concorrentes diretos, como VW T-Cross e Chevrolet Tracker, que só usam turbo. Lá fora, os Creta mais caros têm motor 1.4 turbo de 140 cv.

O lançamento do novo Creta 2022 deve acontecer ainda este ano, provavelmente no último trimestre. A produção seguirá concentrada em Piracicaba (SP), ao lado dos compactos HB20, HB20S e HB20X.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com