CEO da empresa admite que insatisfação dos clientes prejudica negócios

A mesmo tempo em que promove um grande plano interno de reestruturação e direciona investimentos para o setor de eletrificação, o grupo Jaguar Land Rover enfrenta sérios problemas envolvendo reputação e qualidade. A empresa frequentemente ocupa posições nada confortáveis em pesquisas globais de confiabilidade e amarga pesadas baixas comerciais em razão disso.

Em entrevista concedida recentemente à agência de notícias Automotive News, o próprio CEO do grupo, Thierry Bollore, reconheceu o problema e admitiu que o impacto negativo na imagem da Jaguar Land Rover é preocupante. "A insatisfação de nossos clientes realmente prejudica nosso volume natural. As oportunidades perdidas hoje são enormes. São mais de 100.000 vendas saudáveis ​​que poderíamos realizar", afirmou.

Galeria: Teste: Land Rover Defender 110 P300 (BR)

Tanto Jaguar quanto Land Rover figuraram entre as 5 marcas com pior desempenho na pesquisa de qualidade mais recente da consultoria JD Power nos Estados Unidos. Ballore afirmou que a empresa está fazendo "melhorias dramáticas" a esse respeito e que espera reverter a situação o quanto antes. “Estamos reduzindo a complexidade de nossos veículos. O resultado será que menos coisas darão defeito porque o processo não será tão complexo”, explicou.

Em teleconferência realizada com investidores, o executivo afirmou que primeiros sinais parecem bastante positivos e que o grau de insatisfação dos clientes está em níveis "baixíssimos" para modelos da linha 2021. Não à toa, empresa tem gastado bem menos com solução de reclamações e reparos em garantia.

O plano de reestruturação para voltar à lucratividade inclui ainda redução do portfólio atual (ou seja, fim de linha para modelos considerados pouco rentáveis) e redução da produção em aproximadamente 25%. A ideia é preparar o terreno para a transição elétrica, que demanda bastante investimento.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Siga o Motor1.com Brasil no Facebook

Siga o Motor1.com Brasil no Instagram

Envie seu flagra! flagra@motor1.com