Marca troca emblema nas redes sociais e não comenta mudança

As fabricantes automotivas continuam a mexer em suas identidades visuais, atualizando os logotipos para que se aproximem do estilo usado por aplicativos hoje em dia. A Renault entrou nesta onda e apresentou seu novo emblema, mas de uma forma bem curiosa, pois ele aparece em suas redes sociais na França e em um vídeo de divulgação do elétrico Zoe, mas sem qualquer comunicado ou explicação sobre a mudança.

O novo emblema da Renault manteve o desenho de um losango, porém agora é uma figura em 2D feita através de duas linhas paralelas. As linhas pretas criam a forma geométrica além de deixar um espaço entre elas. Este desenho já havia aparecido recentemente no hatch elétrico Renault 5, apresentado em janeiro quando a marca revelou sua estratégia de reestruturação Renaulution. Lembra um pouco o estilo do logotipo que a marca usou na década de 1970.

O mais curioso sobre este novo logo está na forma como foi revelado. Ele simplesmente apareceu no útlimo vídeo da empresa em seu canal no YouTube na França, pouco depois surgindo como ícone nas demais redes sociais da marca francesa, como Twitter e Instagram. A revista alemã Auto Motor und Sport falou com a filial da marca no país e os executivos confirmaram a mudança, embora surpresos de que o emblema já esteja sendo usado.

Galeria: Renault R5 Prototype

Os executivos da Renault Alemanha ainda dizem que a mudança do logotipo da marca acontecerá aos poucos, começando pelos canais de comunicação e que carros e concessionárias “inicialmente não serão afetados”. O site L’Automobile afirma o mesmo e adianta que o novo logo só deve começar a ser usado em outros carros após o lançamento do Mégane elétrico.

Reestruturação profunda

A Renault está em um processo de mudança que buscará posicionar a marca com produtos mais refinados em todos os mercados onde participa, inclusive no Brasil, deixando o segmento mais baixo para a romena Dacia. Esta estratégia irá afetar a operação da empresa por aqui, com investimento em modelos mais lucrativos e, aos poucos, deixando de lado os veículos mais baratos. Enquanto isso não acontece, a fabricante francesa anunciou um investimento de R$ 1,1 bilhão no Brasil, para renovar a sua linha e trazer 5 novidades até meados de 2022.

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

Envie seu flagra! flagra@motor1.com