Reestilização será oferecida somente no país latino. Brasil terá crossover Magnite como substituto em 2022

Este é o novo Nissan March 2021. O hatch compacto acaba de ser lançado no México com o visual dianteiro repaginado totalmente inspirado no Versa. Mas não se engane com o novo design pois não é a geração vendida na Europa, e sim o carro que era produzido aqui no Brasil até o ano passado. Se você gostou, não adianta se iludir. Aqui no Brasil já saiu de linha e será substituído pelo Magnite em 2022.

O visual do Nissan March reestilizado, que agora podemos chamar de mexicano, é exatamente aquele que vimos em fotos vazadas e em uma projeção. A famosa grade V-Motion da marca, usada em diversos modelos da empresa, faz sua estreia no hatchback, lembrando bem mais o estilo do Versa do que do Kicks. Os faróis acompanham a mudança, agora angulares ao invés de serem arredondados. Na traseira está o para-choque mais esportivo e as lanternas com o mesmo visual, mas agora usando LED. Apesar da dianteira ser moderna, de traços marcantes, acaba ficando sem conexão com o restante da carroceria que nasceu com linhas bem arredondadas.

Galeria: Nissan March 2021

O mesmo acontece com o interior. O visual é basicamente o mesmo, com o formato do painel, os controles do ar-codncionado em forma de círculo ou o painel de instrumentos. Recebe alguns detalhes dos últimos carros da empresa, como o volante multifuncional ou a central multimídia de 6,5” compatível com Android Auto e Apple CarPlay. Ficou bem mais equipado, com seis airbags de série, ar-condicionado digital e chave presencial.

No mercado mexicano, o March é vendido somente com o conhecido motor 1.6 aspirado, entregando 106 cv e 14,4 kgfm, podendo ser combinado a uma transmissão manual de 5 marchas ou automática de 4 posições – o câmbio do tipo CVT era feito exclusivamente aqui no Brasil e nunca chegou ao México. Terá preço inicial de 219.900 pesos (R$ 58.955), chegando a 304.900 pesos (R$ 81.743) na versão topo de linha Exclusive com teto preto.

Enquanto isso, o plano para a Nissan no Brasil é oferecer o Magnite, um crossover subcompacto com menos de 4 metros que foi desenvolvido na Índia. A marca planeja produzí-lo no Brasil e tem a expectativa de iniciar as vendas no 1º semestre de 2022. A nova estratégia da Aliança Renault-Nissan diz que as duas empresas irão compartilhar plataformas no país, focando no uso da arquitetura CMF-B.

Ouça nosso podcast:

 

Envie seu flagra! flagra@motor1.com