O teto foi literalmente cortado, mas até parece nascido assim

O espírito do clássico Toyota Supra targa dos anos 1980 e 1990 está vivo com o GR Supra Sport, o único criado para esta edição digital do SEMA Show. A Toyota diz que ele foi inspirado no Supra A80, com o teto cortado de um A90 para criar o GR Supra Sport Top Concept. 

O trabalho começou com uma serra a ar, mas a Toyota e a KC Paint Shop, do Texas, cortou o que precisava de metal em cerca de meia hora. Os planos mudaram e outra ferramenta foi utilizada para deixar o Supra como um esportivo sem teto. Em seu lugar, a Toyota criou um par de peças impressas em 3D que acompanham o desenho do carro. 

Galeria: Toyota GR Supra Sport Top concept

O resultado final é impressionante e você dificilmente consegue dizer que o Supra targa não é nada mais que um cupê com dois pedaços no lugar do teto. O design original foi amplamente mantido usando o mesmo para-brisas e outras estruturas do teto. Até parece um carro pronto para as lojas, mas é uma peça única. 

O Sport Top teve mais do que o teto recortado e substituído. A equipe também fez diversos reforços pela carroceria, incluindo inferior e no cofre do motor. Além disso, diversas áreas tiveram mais pontos de solda para manter a rigidez mesmo com a capota estiver aberta no Supra GR. 

O visual de um carro original pode fazer algumas pessoas se perguntarem o motivo para a Toyota não transformar este conceito em um carro de produção. Bem, a BMW não iria gostar muito, já que ele roubaria clientes do Z4, onde o Supra é baseado. O BMW tem o teto elétrico, enquanto o Supra fica completamente fechado. 

Toyota GR Supra Sport Top concept

O Supra não é o primeiro esportivo da Toyota a perder seu teto, já que o mesmo aconteceu com o 86 em 2013, com o FT 86 Concept. Além da configuração targa, ele recebeu um acionamento elétrico do teto. Em 2019, a Toyota admitiu que o conceito quase se tornou um modelo de produção, mas não aconteceu. 

Envie seu flagra! flagra@motor1.com