Complexo é responsável por montar os motores 1.0 e 1.2 turbo de Onix, Onix Plus e Tracker

Inaugurada em 2013, a fábrica de motors da General Motors em Joinville (SC) alcança a marca de 1 milhão de propulsores produzidos nestes 7 anos, atualmente montando as unidades 1.0 (turbo e aspirada) e 1.2 turbo que equipam a linha Chevrolet Onix, Onix Plus e Tracker. Além dos motores, o complexo ainda faz os cabeçotes e blocos usados por estas unidades.

A história da fábrica de Joinville começou em 2013, quando montava somente os motores 1.0 e 1.4 da primeira geração do Chevrolet Onix. Em 2017, a fabricante investiu R$ 1,9 bilhão, usado para quadruplicar a área do complexo, erguendo um novo prédio de 46.800 m², além de trazer novos equipamentos alinhados com o conceito de indústria 4.0, muito mais eficiente com o uso de estações robotizadas e um monitoramento de todo o processo.

Galeria: General Motors - Fábrica em Joinville (SC)

O novo aporte também trouxe a linha de motores Ecotec, primeiro com o 1.0 de três cilindros nas versões aspirada e turbo, equipando a nova geração do Onix e do Onix Plus. Neste ano, estreou a montagem do 1.2 turbo que está sob o capô do novo Tracker. A capacidade anual de produção da fábrica é de 417 mil motores por ano – era de 174 mil motores/ano antes do investimento para criar o novo prédio e as seis linhas de montagem.

De acordo com a GM, a fábrica é uma referência global em sustentabilidade, até mesmo dentro da marca, com o uso de células fotovoltaicas para gerar energia a partir do sol; reciclagem da água industrial por osmose reversa; e tratamento de efluentes e esgotos por meio de jardins filtrantes. A missão da empresa é não descartar nenhum resíduo, sendo reutilizados, reciclados ou coprocessados.