Marca confirma que teve que adiar os pedidos, produção e entregas do utilitário por causa do coronavírus

Lançar o novo Ford Bronco durante a pandemia está sendo um desafio para a fabricante. A marca avisou sua rede de concessionários nos EUA de que praticamente todas as etapas do carro, dos pedidos oficiais à produção, terão um novo atraso. A nova previsão é que o utilitário desembarque nas revendas somente na metade do ano que vem, o que são mais três meses de atraso.

Um porta-voz da Ford confirmou a notícia à Motor1.com, afirmando que:

"Todas as entregas aos clientes do novo Ford Bronco de duas portas e quatro portas começarão em meados do ano que vem, ao invés do 2º trimestre, devido a desafios relacionados à COVID-19 que nossos fornecedores estão lidando. Nós estamos comprometidos em produzir o Bronco com a qualidade que nossos clientes esperam e merecem."

Apesar da declaração da Ford, isso vai além da demora para chegar às lojas. O site Automotive News relata que até os pedidos, antes previstos para este mês, foram adiados para meados de janeiro. Além disso, a data final para poder mudar os pedidos mudou para a metade de março ao invés do fim de janeiro. Outra mudança é o Bronco com o pacote Sasquatch e transmissão manual, agora adiado para o final de 2021, como confirmado à Motor1.com por uma fonte anônima.

Galeria: Ford Bronco 2021

Detalhes sobre a razão exata para os atrasos são desconhecidos, embora a Ford tenha destacado que seja algo com os fornecedores. Enquanto isso, o utilitário já passou de 190 mil reservas e a fabricante espera que a maior parte delas sejam confirmadas como vendas de fato, o que irá aumentar ainda mais a fila de espera de 18 meses para a entrega do carro. Para ajudar os clientes a fechar o negócio, a marca irá revelar mais opcionais e acessórios pouco antes do início da produção. Ainda não sabemos se o adiamento irá afetar a estreia do esportivo Bronco Warthog.

O adiamento da produção do Ford Bronco e sua estreia nos EUA reforça que ele não será o modelo que chegará ao Brasil em 2021. A fabricante confirmou recentemente que trará "a família Bronco" a partir do ano que vem e, com a fila de espera no mercado norte-americano e o atraso das vendas, não tem como ser ele a desembarcar aqui. O primeiro modelo da linha Bronco no Brasil será o Bronco Sport, que já começou a ser produzido no México.

Ouça nosso podcast: