Marca estaria estudando nova geração do conversível de tração traseira para 2024

Um dos esportivos mais icônicos da Honda pode estar preparando um retorno. De acordo com a Forbes, citando fontes ligadas ao assunto, a fabricante japonesa está estudando a possibilidade de criar uma nova geração do conversível S2000. Mais especificamente, a equipe de marketing da empresa está investigando montar o novo esportivo para 2024.

Como o carro ainda levará anos para chegar às ruas e ainda nem foi aprovado pela Honda, os detalhes sobre o novo S2000 ainda são bem escassos. A fonte da Forbes indica que a fabricante quer que tenha as mesmas proporções do modelo original, usando alumínio e fibra de carbono para fazer com que pese menos de 1.350 kg. Como comparação, o S2000 estreou no Japão pesando 1.240 kg.

Galeria: Honda S2000 2006

Ao invés de adotar um motor aspirado de quatro cilindros e de alta rotação como foi no modelo original, o novo S2000 supostamente receberia o 2.0 turbo de quatro cilindros do Civic Type R. Para fazer dar certo, a Honda terá que mexer no motor para que fique na posição longitudinal e mova as rodas traseiras.

Tudo isso parece ótimo, mas não fique muito animado com a possibilidade de um novo esportivo da Honda, pois executivos da marca comentaram sobre isso há algum tampo. Em 2018, Hayato Mori, gerente sênior de planejamento de produto no Canadá, indicou que foi feita uma pesquisa e que não havia muito interesse em reviver o conversível. Ele ainda disse que seria impossível fazer dinheiro com este carro.

Além disso, Takahiro Hachigo, CEO da Honda, foi um pouco mais dipolmático sobre o assunto em 2017, quando disse que não era o momento certo para trazer o S2000 de volta. "Em todo o mundo, no Jaão, América do Norte, Europa e China, mais e mais vozes expressam seu desejo de reinventar o S2000. Porém, isto não amadureceu ainda. Não é o momento ainda. Nós precisamos de tempo para decidir se o S2000 será reinventado ou não. Se o pessoal de vendas investigar, olhar para o assunto e ficarem entusiasmados, talvez pensemos no assunto" disse Hachigo.

Claro, nenhuma destas declarações são muito recentes, então é possível que muita coisa tenha mudado desde então. A Toyota tem tido um pouco de sucesso não só com o GT86 como também com o retorno do Supra, enquanto a Nissan revelou um protótipo da nova geração do Z, além de trabalhar no próximo GT-R. Com suas rivais se mexendo para ter um pé na linha esportiva, faz sentido que a Honda queira ir além do Civic Type R.

Envie seu flagra! flagra@motor1.com