Modelo virá em duas versões sempre com motor Hemi V8 de 400 cv e câmbio automático de 8 marchas

Embalada pelo sucesso da Toro e da Strada, a FCA prepara o lançamento de mais uma picape no Brasil: a RAM 1500. Era para o modelo ter chegado ainda em 2020, mas por conta da pandemia o desenvolvimento atrasou e, agora, conforme apurado com exclusividade pelo Motor1.com, a estreia se dará em abril de 2021. "Ainda vai uns cinco meses de testes de rodagem e homologação", disse uma fonte ligada à FCA. 

Foi justamente num teste de rodagem desses, em Ubatuba, no litoral norte paulista, que duas unidades da RAM 1500 foram flagradas quase sem camuflagens, apenas com fitas adesivas cobrindo os logotipos. As imagens, gentilmente cedidas pelo canal Gessner Motors, foram enviadas pelo seguidor Mateus Romano. 

Flagra: RAM 1500 no Brasil

Segundo apuramos, a RAM 1500 terá uma proposta diferenciada no mercado brasileiro. "A ideia é ter uma pegada esportiva, ser tipo a Ferrari das picapes", antecipa um informante. Para isso, ela será importada somente com o motor Hemi V8 de 5.7 litros a gasolina, que entrega 400 cv de potência e 54,7 kgfm de torque, ligado ao câmbio automático de 8 marchas com tração 4x4. Ou seja, nada do V6 turbodiesel que era especulado, ao menos não num primeiro momento.

Galeria: Ram 1500 TRX 2021

Serão duas versões da RAM 1500 no Brasil, a aventureira Rebel (como a do flagra) e mais uma (que deve ser a luxuosa Laramie), com diferenças de acabamento, visual e equipamentos entre elas. Ainda é cedo para fazer previsões sobre preço, pois, como será importada (possivelmente do México para não pagar Imposto de Importação), a picape ficará muito vulnerável às variações do dólar. Com a moeda americana cotada a cerca de R$ 5,60, fica difícil imaginar algo abaixo dos R$ 300 mil. 

Talvez por isso mesmo a FCA esteja pensando numa estratégia diferente para a RAM 1500 e a posicionando como uma picape esportiva, afastando-se assim de possíveis rivais como VW Amarok V6 TDI, Mitsubishi L200 Triton Sport e a renovada Toyota Hilux que chegará em breve, entre outras. Além do motorzão a gasolina de 400 cv, a picape norte-americana também vai se diferenciar pelo porte. Com 5,91 m de comprimento, 2,08 m de largura e 1,97 m de altura, é bem maior que as picapes médias que temos por aqui, embora, diferentemente da RAM 2500, ela possa ser conduzida por motoristas com a CNH de categoria B, mesma do carros de passeio. 

Fotos: Mateus Romano/Gessner Motors 

Galeria: Flagra: RAM 1500 no Brasil