Segmento de sedãs médios como um todo vendeu menos que o compacto Onix Plus em setembro

Há seis meses consecutivos com retração superior à média do mercado brasileiro – em setembro a queda foi de 24%, contra menos de 11% -, o segmento de sedãs médios encerrou o mês passado abaixo dos 7 mil emplacamentos - menos do que o Chevrolet Onix Plus (7.093), sexto no ranking geral, emplacou sozinho, por exemplo.

Embora líder absoluto, o Toyota Corolla (3.336) perdeu quase 20% dos compradores de 2019 e viu cair para aproximadamente 1 mil unidades sua vantagem sobre o Honda Civic (2.296), que perdeu menos de 4% de seus emplacamentos. Juntos, os dois responderam por mais de 80% dos registros da categoria.

Honda Civic 2021

Em mês péssimo, o Chevrolet Cruze ficou cada vez mais longe dos rivais (426). Para o VW Jetta a situação foi ainda pior: com 349 unidades, 2º resultado mais fraco no ano, o representante mexicano da marca alemã despencou quase 70% e viu cair ainda mais a diferença sobre o novato Caoa Chery Arrizo 6 (228), presente no top 5 pelo 3º mês seguido.

Em melhor momento desde agosto do ano passado (309), o Kia Cerato (160) foi o único da lista a crescer (+61,6%) – a versão de entrada estava sendo comercializada abaixo dos R$ 90 mil. Por fim, o Citroën C4 Lounge (8) registrou seu 2º pior mês desde a chegada ao mercado em 2013.

Entre os modelos maiores, nova mudança de líder. Já sem importação oficial pela Ford, o Fusion conquistou 8 consumidores e retomou uma posição que não ocupava desde abril do ano passado. Preferido em agosto, o Hyundai Azera (1) agora foi o lanterna de uma categoria que respondeu por apenas 21 emplacamentos em todo o país.

Ford Fusion: a trajetória no Brasil

 

Sedãs Médios 

POS. 

MODELO 

SET/20 

AGO/20 

SET/19 

% SET 20 

% AGO 20 

VARIAÇÃO SET/AGO 

VARIAÇÃO 2020/2019 

1º 

TOYOTA COROLLA 

3336 

3195 

4093 

48,40% 

49,99% 

4,41% 

-18,49% 

2º 

HONDA CIVIC 

2296 

1846 

2377 

33,31% 

28,88% 

24,38% 

-3,41% 

3º 

CHEVROLET CRUZE 

426 

507 

980 

6,18% 

7,93% 

-15,98% 

-56,53% 

4º 

VW JETTA 

349 

421 

1106 

5,06% 

6,59% 

-17,10% 

-68,44% 

5º 

CAOA CHERY ARRIZO 6 

228 

190 

3,31% 

2,97% 

20,00% 

6º 

KIA CERATO 

160 

99 

99 

2,32% 

1,55% 

61,62% 

61,62% 

7º 

NISSAN SENTRA 

87 

121 

298 

1,26% 

1,89% 

-28,10% 

-70,81% 

8º 

CITROËN C4 LOUNGE 

11 

62 

0,12% 

0,17% 

-27,27% 

-87,10% 

9º 

FORD FOCUS FASTBACK 

23 

0,03% 

0,00% 

-91,30% 

10º 

MITSUBISHI LANCER 

32 

0,01% 

0,02% 

0,00% 

-96,88% 

  

  

6893 

6391 

9070 

100,00% 

100,00% 

7,85% 

-24,00% 

Sedãs Grandes 

POS. 

MODELO 

SET/20 

AGO/20 

SET/19 

% SET 20 

% AGO 20 

VARIAÇÃO SET/AGO 

VARIAÇÃO 2020/2019 

1º 

FORD FUSION 

20 

38,10% 

5,26% 

700,00% 

-60,00% 

2º 

TOYOTA CAMRY 

23,81% 

0,00% 

400,00% 

3º 

HONDA ACCORD 

21 

19,05% 

36,84% 

-42,86% 

-80,95% 

4º 

VW PASSAT 

61 

14,29% 

5,26% 

200,00% 

-95,08% 

5º 

HYUNDAI AZERA 

10 

4,76% 

52,63% 

-90,00% 

-85,71% 

  

  

21 

19 

110 

100,00% 

100,00% 

10,53% 

-80,91% 

 

Fonte: Fenabrave

Fotos: Motor1.com e divulgação

Galeria: Teste: Toyota Corolla GLI