Marca ainda não sabe se irá eletrificar o carro, previsto para 2023

A Nissan voltou a brilhar entre os entusiastas com a apresentação do protótipo do próximo Z, seu cupê esportivo. Mas, e como fica o Nissan GT-R, o principal carro de alta performance da fabricante. Em entrevista ao site Cars Guide, Ivan Espinosa, vice-presidente sênior de planejamento de produto global, confirmou que o “Godzilla” terá uma nova geração no futuro, mas ela irá demorar pois a fabricante ainda não decidiu como ele será.

“Nosso objetivo com o próximo Nissan GT-R é que ele seja novamente uma máquina com um desempenho muito crível, da mesma forma que o GT-R atual ainda é mesmo após anos no mercado”, afirma Espinosa. “[O GT-R] ainda é muito crível, super rápido e um grande carro para dirigir e queremos continuar assim.”

Galeria: Nissan GT-R50 by Italdesign 2020 - Primeira unidade de produção

Os rumores dizem que o próximo “Godzilla” está previsto para chegar às concessionárias em 2023 com uma motorização eletrificada. Acredita-se que ele usará um sistema KERS que a marca desenvolveu durante as provas de endurance, como Le Mans. Felizmente, este carro tem mais chances do que o GT-R LM Nismo, que correu nas 24 Horas de Le Mans em 2015 – só uma unidade terminou a corrida e bem longe de estar entre os líderes.

Ainda é bem cedo para determinar qual será o motor do GT-R R36, mas muitos apostam que será uma nova geração do 3.8 V6 biturbo atual. Ele passaria dos 572 cv da versão atual (609 cv na variante Nismo) para os mesmos 720 cv e 79,5 kgfm da versão GT-R50 by Italdesign – que, rumores dizem, será produzido como uma versão final da geração atual do esportivo.

“O GT-R, junto com o Z e o Patrol, talvez sejam os três nomes mais icônicos e que representam a marca dentro da empresa, que têm uma história profunda dentro da Nissan”, disse Espinosa. É bom ver que o Nissan GT-R não foi esquecido pela fabricante e que receberá uma nova geração no futuro. Com tantas marcas apostando em motorizações eletrificadas (até mesmo a Ferrari), faz sentido que o Godzilla busque uma pouco de força em um motor elétrico.