Linha 2021 perdeu equipamentos que podem ser comprados em pacotes; veja preços

Uma das opções mais procuradas pelo público PCD, o VW T-Cross Sense entrou na linha 2021 com notícias não tão boas. Para se manter no teto de R$ 69.990 para ter as isenções de IPI e ICMS, o SUV perdeu equipamentos como o sistema multimídia de 6,5", rodas de 16" e até mesmo o tampão do porta-malas, além dos logotipos externos. Tudo pode ser comprado à parte, mas...

São três pacotes de acessórios, instalados nas concessionárias, chamados de Tech, Essential e Style, que chegam a adicionar R$ 11.177,62 na conta final - isso se a loja escolhida seguir o valor sugerido pela Volkswagen para os pacotes. Veja o preço e o que cada um traz:

Pacote Tech (R$ 5.373,07): sistema multimídia com tela de 6,5" com espelhamento via Apple CarPlay e Android Auto, comandos no volante, câmera de ré, tag lateral com o inscrito "T-Cross" e logos traseiros "200 TSI";

Pacote Essencial (R$ 1.754,45): sensor de estacionamento traseiro, tampão do porta-malas, jogo de tapetes em borracha e soleiras em alumínio;

Pacote Style (R$ 4.050,10): rodas de alumínio de 16", parafusos anti-furto e capas dos parafusos em preto com logo da Volkswagen. 

Completo, o T-Cross Sense pode custar até R$ 68.952. Isso porque, com as isenções de IPI e ICMS, o SUV sai por R$ 57.630. Coloque na conta também os R$ 1.899 para ter a garantia de três anos no lugar de apenas um ano e chegamos ao valor de R$ 70.706,62 se o comprador quiser o carro com os mesmos itens da linha 2020. 

Galeria: Volkswagen T-Cross Sense 2021

Segundo concessionários ouvidos pela reportagem de Motor1.com, o T-Cross Sense está sendo entregue nas lojas com o pacote Tech "no porta-malas", caso o cliente deseje a instalação no carro. Apesar de não ser um item obrigatório, vendedores são instruídos a oferecer o opcional para o comprador ao menos nas primeiras 12 mil unidades deste primeiro lote. Caso contrário, a loja guarda o item até ter um interessado no pacote. 

Fotos: divulgação