Crossover é o veículo mais vendido da Nissan no Brasil e na América Latina

A Nissan comemora nesta semana no Brasil a produção da unidade de número 140 mil do crossover Kicks na fábrica de Resende (RJ). Conforme explica a marca, a cifra histórica é atingida exatamente 3 anos depois da nacionalização do modelo e confirma a aposta certeira no lançamento de um representante naquele que se tornou um dos principais segmentos do mercado brasileiro. 

Em número exatos, o Kicks produzido em solo brasileiro já emplacou 140,8 mil exemplares, que se juntam aos 22,4 mil importados do México e totalizam cerca de 163.288 unidades vendidas no mercado nacional. Além disso, o crossover é exportado para países como Argentina e Paraguai, somando 14.732 unidades entregues nesses mercados.

Galeria: Nissan Kicks SL (divulgação)

Lançado no Brasil em agosto de 2016 (na época ainda importado do México), o Kicks foi o principal responsável pelo crescimento da Nissan nos últimos anos. Além de representar a marca em um dos segmentos mais disputados do mercado, o modelo trouxe inovações como sistema de câmeras com visão de 360º e bancos com tecnologia Zero Gravity, inspirada na NASA.

No primeiro semestre de 2021, o Kicks terá como grande novidade no Brasil o lançamento da aguardada reestilização de meia-vida - já apresentada na Ásia. O facelift dará nova cara ao modelo e, em especial, marcará a oferta da inédita versão híbrida E-Power, que promete ser um grande diferencial em termos de consumo e tecnologia para a categoria.

Fotos: Divulgação