Decisão será anunciada até agosto, mas já fomos atrás das opções que a marca está estudando

Desde que confirmou que terá um novo SUV médio no Brasil, a Volkswagen vem fazendo mistério sobre o nome deste modelo. Primeiro veio a nomenclatura Tharu, que acabou sendo usada no carro na China. Em seguida apareceu Tarek, que a marca diz ser o nome do projeto, mas não necessariamente do produto. E, como a fabricante pretende fazer o anúncio oficial do nome entre julho e agosto, resolvemos apurar as hipóteses entre os batismos já registrados.

Primeiro vamos falar do que já sabemos. O nome Tharu não será usado, algo que já foi confirmado por Pablo Di Si, presidente da Volkswagen para América Latina, ficando restrito à China. Outra informação é que este nome será usado pelo carro no restante do mercado global. Ou seja, além daqui e da Argentina, também irá batizar o veículo feito no México e na Rússia.

Flagra: VW Tarek no Brasil
Volkswagen - Registro de nomes no Brasil

E quais são as opções? Uma é manter o nome Tarek, pois é uma alcunha que a VW tem familiaridade. Além de batizar o projeto, também foi um nome usado por um buggy a diesel que correu no Rally Dakar em 2003. Faria sentido por lembrar a robustez e a capacidade off-road do protótipo, mesmo que ele não tenha vencido a prova.

Caso a Volkswagen tenha decidido que Tarek não soa bem (ou tenha ouvido críticas nas clínicas com possíveis consumidores), não faltam opções já registradas para batizar o utilitário. Uma aposta mais segura é o batismo “Taos”, que a VW registrou em fevereiro do ano passado. E por que ele faria sentido? A razão seria um comportamento da empresa de ter registrado este nome várias vezes em categorias diferentes além de veículos, algo que também foi feito com o nome Nivus antes deste ter sido escolhido para o crossover compacto da marca. É uma boa pista...

Entre outros nomes já registrados no Brasil, também aparecem “Taigo”, “T-Sport” (que era cotado para o Nivus), “Rokter” e, mais recentemente, “Zivos”. Há também um pedido pelo nome “Torak”, que é “Tarok” com as vogais invertidas e parece ter mais a cara da picape (futura rival da Fiat Toro). Porém, este registro não foi concedido por parecer com uma outra marca registrada. Curiosamente, o batismo “Tarok”, da picape abaixo da Amarok, também está com problemas por ser semelhante a “Tarek”, que a Volkswagen registrou em 2003.

Apesar do nome ter a promessa de ser revelado até agosto, o novo SUV médio da Volkswagen levará mais um tempo para fazer sua estreia comercial. O início da produção na Argentina estava marcado para o final do ano, iniciando as vendas no ano que vem. Porém, com a paralisação de dois meses na fábrica em Pacheco, o lançamento agora está marcado para maio de 2021, como revelou Thomas Owsianski, CEO da VW Argentina, em uma videoconferência.

Fotos: reprodução

Galeria: Volkswagen Tharu - Fotos oficiais