Marca não descartou uma quarta geração do modelo, mas também não confirma se irá lançar o carro

Desde que a Ford revelou a quarta geração do Focus há dois anos, estamos esperando alguma confirmação sobre a versão esportiva RS. Rumores começaram a circular no ano passado dizendo que ele receberia um sistema híbrido-leve para poder se adequar às novas normas de emissões na Europa. E, nos últimos dias, apareceram notícias de que o Focus RS estaria morto, por conta dos custos de desenvolvimento. Só que não parece ser o caso.

Enquanto as especulações sobre o fim do Ford Focus RS vieram de fontes anônimas, a nova reportagem publicada pelo site australiano CarAdvice cita um porta-voz da marca, que afirma que "é muito cedo para especular" sobre o futuro do esportivo. O novo Focus usa a plataforma modular C2 que, segundo o executivo, conta com "uma arquitetura muito avançada tecnologicamente", adicionando que é uma base capaz de receber "vários tipos de motorizações eficientes."

Relatos sobre uma possível eletrificação do Focus RS apareceram em agosto do ano passado. Em dezembro, já havia um rumor de que o hot hatch teria um motor elétrico no eixo traseiro e que o carro teria cerca de 400 cv. Manteria o motor 2.3 EcoBoost, mas ele seria usado para mover as rodas dianteiras. Uma potência dessas o colocaria na mesma classe que o Mercedes-Benz A45 S, que tem 421 cv.

Galeria: Ford Focus ST 2019 - Avaliação

O porta-voz da Ford disse ao CarAdvice que, normalmente, o Focus RS chega bem depois do lançamento da versão normal e que dificilmente é revelado junto com o hatch. Os rumores iniciais diziam que o esportivo seria lançado neste ano, para pouco depois alguns sites afirmarem que ele seria adiado para 2022 ou 2023. De qualquer forma, a Ford não comenta sobre produtos futuros e agora não temos certeza se haverá um novo RS até que a marca confirme. Até lá, é tudo especulação - e está um pouco cedo para isso.

Veja também