Dianteira receberá novos faróis e grade, enquanto interior terá mais conectividade

À venda no mercado internacional desde 2016, a atual geração do Toyota SW4 enfim caminha rumo à sua primeira reestilização. Ao contrário da irmã Hilux, que recebeu retoques no design em 2018, o SUV segue sem grandes alterações desde o lançamento e estreará ainda neste ano a tão esperada atualização de meia-vida.

A novidade trará modificações importantes no visual, especialmente na dianteira, e virá acompanhada também de novos recursos tecnológicos na cabine (incluindo central multimídia atualizada e compatível com as plataformas Apple CarPlay e Android Auto).

Galeria: Toyota Hilux e SW4 facelift - Flagra

Por fora, a principal mudança ficará por conta do novo desenho da dianteira. Conforme adianta a projeção elaborada pelo pessoal do Indian Autos Blog, o modelo ganhará faróis e grade inspirados no primo Land Cruiser Prado, de acordo com a nova filosofia visual da Toyota para o segmento de SUVs. O para-choque acompanhará o novo conjunto com novas entradas de ar e molduras modificadas para abrigar as luzes de neblina. Além disso, haverá rodas de liga-leve de até 20 polegadas com novo desenho e lanternas ligeiramente modificadas, com nova assinatura de iluminação em LED.

Toyota SW4 2021 - Projeção
Toyota SW4 2021
Toyota Land Cruiser Prado
Land Cruiser Prado

Sob o capô, também são esperadas importantes alterações. A fim de acompanhar as movimentações da concorrência, a Toyota finalmente injetará mais potência e torque no motor 2.8 turbodiesel. Detalhes ainda são limitados, mas certamente serão números mais animadores que os atuais 177 cv e 42,8 kgfm. O câmbio, porém, seguirá o mesmo automático de 6 marchas - ou manual de iguais 6 posições, dependendo da versão. A picape Hilux também acompanhará as mudanças, tanto de design quanto mecânicas.

O lançamento acontecerá primeiramente na Ásia, começando por países como Tailândia e Índia já nos próximos meses. No Brasil, a estreia também deverá acontecer em 2020. Fontes ligadas à fabricante e consultadas por Motor1.com adiantaram que está em curso a “renovação para um de seus modelos mais importantes”. Resta saber até que ponto o impacto do novo coronavírus no mercado atrasará o calendário da marca.

Fonte: IAB