Após vazamento de foto na linha de montagem, marca mostra mais uma imagem oficial; estreia será no começo de abril

Aos poucos vamos conhecendo a nova geração da Fiat Strada. Depois de divulgar uma imagem que mostrava a frente da picape compacta, a Fiat-Chrysler agora mostra como é a traseira do veículo, com lanternas com desenho semelhante ao da Toro. A marca ainda diz que ela será “ainda maior e mais robusta” do que o modelo atual. A apresentação acontecerá no começo de abril, com preços estimados entre R$ 55 mil e R$ 75 mil.

Fiat Strada 2021

A imagem divulgada mostra a Fiat Strada de traseira, na mesma versão e cor que a foto da frente da picape, possivelmente a variante Volcano. Alguns detalhes são bem interessantes, como a adição de uma maçaneta de verdade e o para-choque maior e com um pequeno degrau. O destaque, é claro, são as novas lanternas com o mesmo desenho que o da Toro, mas com proporção menor. Aparenta usar lâmpadas de LED, item que deve ser substituído por lâmpadas halogenas na versão de entrada.

Durante o fim de semana, a picape apareceu em uma imagem vazada da linha de produção da Fiat, mostrando a versão de cabine simples de entrada. A foto, publicada no Instagram do Motordrive, mostra que ela para-choques, maçanetas e retrovisores sem pintura, indicando que haverá uma nova Strada para trabalho, apesar de o modelo atual ser mantido em linha. As rodas são de aço e, no modelo visto, estão sem calotas (como saiu da linha de produção, pode apenas não ter recebido as proteções).

 

Falta apenas ver o interior da nova Strada e, pela estratégia de divulgação que a Fiat adotou, é possível que uma imagem seja divulgada antes do lançamento. Ela irá misturar elementos do Mobi e do Argo, tanto em acabamento quanto na parte visual, para que consiga manter o custo de produção baixo e tenha uma identidade semelhante.

Galeria: Fiat Strada 2021

Neste primeiro momento, a linha da nova Fiat Strada será composta pelo motor 1.4 Fire de 88 cv e 1.3 Firefly de 109 cv, sempre com câmbio manual de 5 marchas. A variante com transmissão automática do tipo CVT ficará para o ano que vem, assim como o motor 1.0 turbo, já que este conjunto mecânico só começará a ser produzido em outubro e a picape não é prioridade para receber este powertrain. A velha Strada que está nas lojas continuará a ser vendida em versão única, voltada para frotistas. O esperado é que a nova Strada tenha preços entre R$ 55 mil e R$ 75 mil, de forma a dar espaço para a chegada da versão 1.0 turbo e CVT acima de R$ 80 mil, e deixar a Strada Working próxima dos R$ 50 mil.